Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Lotus receberá 10 milhões de libras de subsídio do governo britânico

Montadora britânica vem enfrentando problemas financeiros

Por redação Atualizado em 9 nov 2016, 12h53 - Publicado em 26 nov 2013, 10h30
fabricantes

A montadora britânica Lotus, que vem enfrentando problemas financeiros, receberá uma segunda infusão de dinheiro, depois de um investimento de 100 milhões de libras (161,5 milhões de dólares) por parte de sua controladora DRB-Hicom, feito em agosto. O investimento é significativamente menor, 10 milhões de libras (16,2 milhões de dólares), e vem do Fundo de Crescimento Regional do governo britânico.

O fundo, que é parte de um total de 3 bilhões de libras para estimular o crescimento econômico no Reino Unido, vai permitir que a Lotus invista ainda mais em pesquisas e desenvolvimento, uma vez que a fabricante procura reinventar sua linha de carros esportivos leves. O fundo também permite que a Lotus ofereça uma formação complementar para a sua nova safra de funcionários.

“Este subsídio faz parte de uma estratégia mais ampla para Lotus criada para assegurar prosperidade e crescimento . Estamos respondendo ao aumento da demanda global por nossos carros e serviços de consultoria de engenharia e esta garantia vai ajudar a colocar a Lotus em uma posição de vanguarda na inovação automotiva global”, disse Aslam Farikullah, o diretor de operações da Lotus.

Continua após a publicidade

Publicidade