Clique e assine por apenas 8,90/mês

Lamborghini Aventador SV Roadster é obra de arte

Com conjunto mecânico idêntico ao cupê, ele se destaca pela beleza

Por Rodrigo Furlan - Atualizado em 9 nov 2016, 14h38 - Publicado em 14 ago 2015, 17h11
fabricantes

A Lamborghini não perde a mania de fazer belos carros. Nesta sexta-feira (14), mais um deles foi apresentado aos visitantes do Concours D’Elegance de Pebble Beach: o Aventador SuperVeloce Roadster. Trata-se da versão ainda mais apimentada do conversível, que mantém as características mecânicas do cupê, sendo tão ou mais interessante esteticamente.

A novidade mais óbvia é a presença de um teto removível com dois painéis feitos em fibra de carbono, cada um deles pesando pouco menos de seis quilogramas. Outro mecanismo que chama atenção é o vidro traseiro elétrico, instalado para permitir que o motorista reduza o ruído que chega à cabine.

Galeria: Aventador SV Roadster

Curiosamente, apesar de ser um roadster, o modelo é mais pesado do que o cupê – são 49,9 kg a mais, totalizando 1.575 kg. Mesmo assim, o desempenho é praticamente o mesmo, sobretudo quando se leva em consideração que o conjunto mecânico é o mesmo: bloco 6.5 V12 naturalmente aspirado, entregando 750 cavalos de potência e 70,4 mkgf de torque.

Na hora de acelerar, o Aventador SV Roadster avança de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos, o que representa apenas 0,1s a mais do que o cupê. Quanto à velocidade máxima, o valor é rigorosamente igual: 350 km/h. Vale mencionar também que a transmissão é a ISR automatizada de sete velocidades, com tração integral.

Somente 500 unidades do roadster serão produzidas. Se o mesmo sucesso de mercado do cupê se repetir com o conversível, serão poucas semanas até que o modelo tenha sua disponibilidade esgotada – no caso do Aventador SV, foram três meses entre a apresentação, no Salão de Genebra, e o fim das vendas.

Continua após a publicidade
Publicidade