Clique e assine por apenas 8,90/mês

Híbridos e elétricos têm tido dificuldades para manter lealdade dos donos

Com baixo preço da gasolina nos EUA, proprietários preferem trocá-los por carros comuns

Por Anaís Motta - Atualizado em 9 nov 2016, 14h27 - Publicado em 22 abr 2015, 18h47
geral

De acordo com análise realizada pela Edmunds.com, os carros híbridos e elétricos têm perdido a confiança de seus proprietários e estão sendo trocados por veículos não ecológicos, como as SUVs, porém mais econômicos, já que consomem apenas gasolina – atualmente barata nos Estados Unidos.

Segundo a pesquisa, 22% das pessoas que trocaram seus híbridos e elétricos em 2015 compraram um SUV. Esse número representa um aumento de 18,8% em relação ao ano passado, e é quase o dobro da parcela de 11,9% obtida há apenas três anos. No total, somente 45% das trocas de veículos híbridos e elétricos foram feitas por outro automóvel que consuma combustível alternativo, contra pouco mais de 60% em 2012.

Edmunds.com ainda calculou que, com o preço médio da gasolina a US$ 4,67/galão em outubro de 2012, levaria somente cinco anos para que a diferença de preço entre o Toyota Camry LE Hybrid (US$ 28.230) e o Toyota Camry LE (US$ 24.460) fosse eliminada (tendo em vista a economia de dinheiro obtida com o abastecimento do carro). Hoje, com a gasolina a US$ 2,27/galão, levaria mais que o dobro de tempo (10,5 anos) para que o preço dos dois carros fosse igualado.

O estudo foi feito em um momento propício, em que as vendas globais de veículos alternativos (ou “green cars”) continuam a despencar. A comercialização de elétricos e híbridos representaram apenas 2,7% de todas as vendas de veículos novos no primeiro trimestre de 2015, ante os 3,3% verificados durante o mesmo período no ano passado. A parcela de venda de SUVs, no entanto, aumentou: foi de 31,8% no 1º trimestre de 2014 a 34,2% no 1º trimestre de 2015.

Publicidade