Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Governo dos EUA vai pagar R$ 19 milhões por Chevrolet Suburban reforçado

Divisão de “defesa” da General Motors produzirá 10 unidades de uma versão especial do Suburban até 2023 para uso dos diplomatas

Por Pedro Henrique Oliveira Atualizado em 17 set 2021, 10h22 - Publicado em 16 set 2021, 16h06
Ideia inicial do SUV pesado Suburban do governo norte-americano
A GM divulgou uma ideia inicial de como seria a versão pesada do SUV Suburban que será produzido para o governo dos EUA Divulgação/GM

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos estava em busca de uma fabricante para fornecer modelos que serão utilizados para o transporte de diplomatas. A GM Defense, subsidiária da General Motors,venceu o contrato milionário. 

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

O valor total do contrato chega a casa dos US$ 36,4 milhões ou mais de R$ 190 milhões, em conversão direta. Serão R$ 19 milhões por cada uma das 10 unidades do Suburban que serão entregues nos próximos anos.

O preço parece inflacionado, mas trata-se de versão especial do SUV, reforçados pela GM Defense para suportar mais peso. Tanto de carga quanto de blidagem. 

Chevrolet Suburban marrom visto 3/4 de frente
O SUV da marca ganhará uma versão especial para aguentar o peso dos equipamentos utilizados pelo governo dos EUA Divulgação/GM

A empresa começará a entregar os modelos nos primeiros meses de 2022. A intenção é que a divisão da GM desenvolva a próxima geração de utilitários comerciais de grande porte para o Serviço de Segurança Diplomática. 

O acordo, com fim em 2023, faz parte de um esquema maior. É esperado que um outro projeto para produzir 200 unidades do modelo ao longo de nove anos seja firmado após maio de 2023, mas os valores não foram divulgados. 

Continua após a publicidade

O presidente da GM Defense, Steve DuMont, se mostrou contente com o novo contrato e afirmou que a decisão vai ao encontro do legado da marca. “O Suburban irá entregar as soluções de mobilidade avançada que o governo necessita”, disse. 

Chevrolet Suburban marrom visto 3/4 de trás
A subsidiária de defesa da GM irá entregar 10 unidades do SUV até maio de 2023 Divulgação/GM

Para o design do novo modelo a empresa irá utilizar a arquitetura de veículos comerciais projetada para picapes e SUVs. Além disso, a marca terá peças prontas para uso, como carroceria, trem de força e freios para as unidades do governo. 

Entretanto, a versão governamental terá sim partes exclusivas. Ela terá um novo chassi e suspensão para suportar as necessidades de desempenho de um carro do governo, já que ela será mais pesada que a versão para varejo. 

Chevrolet Suburban cinza visto 3/4 de frente
O acordo entre a marca e o governo americano pode ser estendido e a entrega pode passar a ser de 200 unidades Divulgação/GM

A subsidiária formada em 2017 utilizará técnicas avançadas de fabricação para diminuir os custos da montagem e melhorar a flexibilidade da linha de produção para eventuais necessidades. 

  • A realidade é que a empresa não deve encontrar grandes dificuldades para entregar o projeto, visto que essa não é a primeira vez que a GM se vê nesta situação. Em 2020, o exército norte-americano deu o primeiro grande contrato à subsidiária com valores na casa dos US$ 213,4 milhões. 

    Chevrolet Suburban cinza vista de lado
    Com a entrega das primeiras 10 unidades do Suburban, o governo de Joe Biden desembolsará R$ 190 milhões Divulgação/GM

    O plano era construir o Veículo de Esquadrão de Infantaria (ISV, sigla em inglês). O projeto é baseado na picape Chevrolet Colorado ZR2 e utiliza quase 90% de partes do veículo tradicional. A primeira unidade deste tipo foi entregue em outubro do ano passado e o objetivo é entregar outras 648 unidades.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

    Quatro Rodas

    Capa quatro rodas 748 agosto 2021
    Capa quatro rodas 748 agosto 2021 A edição 748 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
    Clique e Assine
    Continua após a publicidade
    Publicidade