Geo Storm: um hatch desconhecido, raro e à venda no Brasil

Só há duas unidades registradas no país; modelo foi anunciado por R$ 46.000 

Geo Storm 1992

Raro nos Estados Unidos, onde foi comercializado entre 1990 e 1993, o Geo Storm é ainda mais desconhecido no Brasil. Para quem aprecia modelos exóticos (e que não tem medo de se aventurar), há um anúncio de um Geo Storm hatch no Mercado Livre, uma das duas unidades no Brasil segundo o proprietário.

LEIA MAIS:

>> Grandes Brasileiros: Chevrolet Chevette (2ª geração)

>> Clássicos: 1.6 R x Gol GTS x Escort XR3 x Gol GTI x Kadett GSI

>> Grandes brasileiros: Chevrolet Ipanema

Geo Storm 1992

A marca Geo foi uma divisão de carros compactos da GM na América do Norte. Seus modelos foram sempre feitos em parcerias com marcas japonesas. No caso do Geo Storm, uma joint-venture foi firmada com a Isuzu – que fez no mesmo período o Impulse, modelo com o qual o Storm compartilhava a plataforma – para produzir um compacto nas carrocerias cupê e hatchback na década de 90 nos Estados Unidos.

Geo Storm 1992

O exemplar do anúncio é um modelo 1992 que chegou no Brasil via importação independente e que, segundo seu proprietário, ficou 10 anos parado. Por isso apenas as 46.000 milhas (75.639 quilômetros) declaradas – número baixo para um veículo dessa idade. O Geo Storm tinha entre 1990 e 1992 duas opções de motores: um SOHC 1.6 de 96 cv e outro 1.6 DOHC de 132 cv de potência na versão esportiva GSi, que adotou um 1.8 de 141 cv em seu último ano de produção.

Geo Storm 1992

Pelas fotos, dá para se afirmar que o modelo anunciado traz propulsor 1.6 de 95 cv e transmissão automática de três marchas, já que o GSi foi oferecido apenas com câmbio manual de cinco marchas. Segundo o atual proprietário, foram gastos cerca de R$ 16 mil na revisão do carro, que inclui suspensão, motor (troca de mangueiras, água, óleo), freios, entre outros. De acordo com ele, algumas peças do Geo Storm são compatíveis com o Chevrolet Kadett vendido por aqui.

Geo Storm 1992 Geo Storm 1992

Aparentemente, a unidade das imagens está em bom estado de conservação, sem qualquer tipo de detalhe na pintura e amassados. O interior tem acabamento e estofamento na cor azul marinho, rádio toca-fitas original, além de todas as peças de acabamento mantidas no lugar. Único componente não original são as rodas, possivelmente réplicas das clássicas BBS. Quem se interessar pelo Geo Storm, à venda em Caieras (SP), terá que desembolsar R$ 46.000, negociáveis, segundo o dono.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Não é único, nem é um dos dois disponíveis no brasil, eu mesmo tenho um 1993 preto na versão GSI e conheço mais um 1992 vermelho, ambos à venda no ML.