Fiat pode estar encerrando produção de Bravo, Linea, Idea e Uno Vivace

Informação veio de uma fonte da rede de concessionárias; oficialmente montadora nega

Fiat Idea Essence Fiat Idea

Fiat Idea  (/)

Em meio a dois lançamentos de peso – a nova picape Toro e o futuro compacto Mobi – a Fiat pode estar encerrando a produção de nada menos que quatro modelos. Uma fonte ligada à rede de concessionárias da marca afirma que a fábrica não está mais faturando os modelos Bravo, Idea, Linea e Uno Vivace.

Contactada pela reportagem de QUATRO RODAS, a Fiat oficialmente nega a informação. Uma análise de mercado, porém, mostra que o boato pode ter fundamento. O Uno Vivace, por exemplo, será (junto com o Palio Fire) o modelo substituído pelo Mobi – no facelift realizado em 2014, a versão de entrada foi a única a não sofrer alterações, assumindo o papel que antes era do falecido Mille.

Fiat Uno Vivace Fiat Uno Vivace

Fiat Uno Vivace  (/)

Os outros três modelos citados andam esquecidos tanto pelo mercado quanto pelo departamento de marketing da empresa. Apesar de ainda ter números de venda razoáveis – 8.234 unidades emplacadas no acumulado de 2015 – a minivan Idea faz parte de um segmento em queda em um mercado cada vez mais povoado por SUVs (sua única concorrente direta hoje é a Citroën Aircross). O Linea foi apenas o 11° sedã médio mais vendido do ano, com 4.379 emplacamentos. A situação do hatch médio Bravo é ainda mais crítica: apenas 2.795 unidades vendidas em 2015, bem atrás de Focus, Golf e Cruze.

Fiat Linea Fiat Linea

Fiat Linea  (/)

Bravo e Linea, por sinal, vivem a expectativa (ainda não confirmada) de serem substituídos no Brasil pelas versões hatch e sedã do novo Fiat Tipo, lançado na Europa no ano passado. Isso, porém, ainda deve demorar para ocorrer – se ocorrer. Já a Idea não tem substituto à vista dentro do leque da FCA pelo mundo.

Fiat Bravo Essence Fiat Bravo

Fiat Bravo  (/)

Para o consumidor ainda interessado nesses modelos, a notícia pode ser oportuna: em situações desse tipo, quando um modelo é descontinuado, as lojas geralmente precisam fazer promoções e descontos para acabar com os estoques.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s