Fiat 500 Sport Multi Air Flex

Motor MultiAir agora também é bicombustível

lancamentos lancamentos

lancamentos (/)

Mudanças de regra no meio do jogo são o maior temor da indústria automotiva. O 500 chegou ao Brasil importado da Polônia, em 2009. Em 2011, o subcompacto passou a vir do México, com preço bem mais conta. O sucesso foi imediato e as vendas dispararam. Logo a marca viu a necessidade de dotar o subcompacto com a tecnologia flex. Começou pelas versões de base, nas quais introduziu o 1.4 8V do Uno, com 88/85 cv. Simultaneamente, iniciou o desenvolvimento do flex também no 1.4 16V MultiAir. No meio do caminho, tudo mudou nas regras de importação de automóveis e os modelos vindos do México perderam competitividade. Com pretensão de vendas muito mais modesta, sobretudo das versões mais caras, já era tarde para brecar o desenvolvimento do motor MultiAir flex.

qr-645-zero-500-03-copy.jpeg qr-645-zero-500-03-copy.jpeg

qr-645-zero-500-03-copy.jpeg (/)

Finalizado, o motor enfim estreia no mercado nas versões Sport Air (com câmbios manual e automático) e Cabrio Air (conversível, apenas com transmissão automática). Os preços são de, respectivamente, 49 390, 53 430 e 60 200 reais – não houve alteração na tabela com a introdução do sistema flexível.

Para saber como ficou o casamento do 500 com o MultiAir flexível, escolhemos a versão de maior participação no mix, a Sport Air, com câmbio automático. Levado para o nosso campo de provas, em Limeira (SP), o modelo (abastecido com etanol) entregou números muito próximos dos do 500 avaliado em setembro de 2011, também automático, mas com motor MultiAir a gasolina. A incorporação da central flex trouxe versatilidade, mas na pista os números ficaram bem parecidos: 0 a 100 km/h e 0 a 1000 metros em 13,8 e 35,3 segundos o flex e 13,9 e 35,4 o a gasolina. Nas retomadas (40 a 80, 60 a 100 e 80 a 120 km/h), o flex foi melhor, com 5,9, 7,7 e 10,2 segundos, ante 6,3, 7,9 e 10,9 segundos do rival. Ou seja, aquela apreciada agilidade do 500 está ainda mais presente. Toda a linha 500 tem dois anos de garantia.

FICHA TÉCNICA
Motor dianteiro, transversal, 4 cilindros, 8v
Cilindrada 1 368 cm3
Potência 107/105 cv a 6 250 rpm
Torque 13,8/13,6 mkgf a 3 850 rpm
Câmbio automático, seq., 6 marchas, tração dianteira
Dimensões comprimento, 355 cm; largura, 163 cm; altura, 150 cm; entre-eixos, 230 cm
Peso 1 125 kg
Consumo urbano 8 km/l
Consumo rodoviário 11,3 km/l
0 a 100 km/h 13,8 s
0 a 1000 m 35,3 s
Retomada 40 a 80 em 3ª (ou D) 5,9 s
Retomada 60 a 100 em 4ª (ou D) 7,7 s
Retomada 80 a 120 em 5ª (ou D) 10,2 s
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s