Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Evoke 6061 é moto elétrica chinesa que roda 660 km e tem preço de Harley

Não confunda com Land Rover: essa moto elétrica promete ir de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e tem autonomia maior que a de muito carro elétrico

Por Julio Cabral
Atualizado em 28 nov 2023, 10h26 - Publicado em 13 nov 2023, 19h00

A Evoke é uma marca chinesa de motos elétricas, um fabricante que já vende uma moto no estilo street e outra clássica, mas que voltou a chamar atenção, dessa vez com uma estradeira: a 6061-GT. A sigla indica que se trata de motocicleta grand tourer, mas a brutalidade do visual e mecânica permite ao fabricante chamá-la de muscle bike. 

Enquanto algumas marcas buscam toda a racionalidade do mundo na hora de projetar uma moto elétrica, a Evoke parece ter colocado o dedo na tomada. A 6061-GT tem 122 cv, potência que chama atenção, mas não tanto quanto os 22,5 kgfm de torque, força parecida com o 1.0 turbo do Renault Kardian – 125 cv e 22,4 kgfm. E com a vantagem de entregar tudo isso na hora em que o manete for “torcido”.

É neste momento que os 320 kg de massa (vazia) são ignorados, levando a moto de zero a 100 km/h em 3,6 segundos e à velocidade máxima de 230 km/h. O site do fabricante chinês fala também em 200 km/h, mas, de qualquer forma, é um belo desempenho para a proposta. 

Evoke 6061-GT
Ainda há uma reprodução de tanque de combustível; carenagem cobre o que poderia ser um motor V2 ou quatro ciclindros em linha (Divulgação/Divulgação)

Modelos elétricos costumam ter a velocidade máxima controlada, afinal, as baterias são drenadas mais rapidamente em ritmos acelerados. Contudo, a 6061-GT tem a maior bateria de íon-lítio aplicada em uma moto elétrica, segundo a Evoke, com 29.7 kWh. Como parâmetro de comparação, o Renault Kwid E-Tech tem um pack de 26.8 kWh. Ela seria capaz de durar 1.500 ciclos de recarga, o que lhe daria 400 mil km de durabilidade. A refrigeração do conjunto é a ar. 

Compartilhe essa matéria via:

Ainda de acordo com a marca, é possível rodar até 660 km na cidade ou 495 km em uso misto cidade/rodovia. Da mesma maneira que outros veículos elétricos, a 6061-GT também tem autonomia rodoviária menor, alcançando 331 km. Se usado um carregador DC ultra rápido, são necessários apenas 30 minutos para recarregar de 10% a 80%. Já um plugue doméstico levará 12 horas para completar o mesmo ciclo.

No demais, tudo lembra uma muscle bike. O farol de led tem uma pequena carenagem, toque que combina com a cobertura total da parte mecânica. Os garfos dianteiros têm 29,5 graus e são bem inclinados, enquanto as pedaleiras não são muito recuadas, o que permite ao motociclista sentar sobre a moto sem ficar muito debruçado sobre o que seria o tanque. Com apenas 74 centímetros, o assento é bem demarcado, uma garupa teria dificuldade de se espremer sobre aquela almofadinha, ainda mais sob acelerações brutais. A lanterna de led esconde o plugue de recarga.

Continua após a publicidade
Evoke 6061-GT é uma moto elétrica chinesa
Lanterna de led tem design minimalista e esconde o plugue de recarga da bateria (Divulgação/Divulgação)

A estrutura é de alumínio, ou seja, o peso total poderia ser bem maior sem o uso do material leve. Ainda no capítulo características técnicas, o pneu dianteiro tem 140/70 R17 de tamanho, medida larga para uma moto, mas que não chega perto do pneu traseiro 200/55 R17. Regenerativos, os freios à frente são de discos duplos e quatro pistões, já atrás é de disco simples e dois pistões. 

Entre os itens de série, há painel digital de 7 polegadas de altíssima definição, bluetooth e wi-fi, fora controle de tração e monitoramento eletrônico de pressão dos pneus. 

Continua após a publicidade

Da mesma maneira que a Evoke, o preço também é musculoso: 24.995 dólares, o equivalente a R$ 122 mil, valor superior aos 21.999 dólares pedidos por uma Harley-Davidson Street Glide – lembrando que estamos falando de valores nos Estados Unidos. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.