Em evento de futebol, VW evita falar sobre novo Golf

Marca chama jogadores para serem garotos-propaganda; presidente não confirma produção do hatch no país

fabricantes fabricantes

fabricantes (/)

A Volkswagen investirá pesado no patrocínio ao futebol em 2013. Além de ter sua imagem vinculada ao atacante Neymar, a marca alemã contratou outros cinco astros com imagens fortemente ligadas ao esporte mais popular do Brasil.

Os ex-jogadores Cafu, Pelé, Raí e Rivellino e o meia-atacante Lucas, este último atualmente no Paris Saint Germain, serão os garotos-propaganda da VW. O primeiro trabalho dos “embaixadores” da marca será a campanha dos 60 anos da montadora, celebrados em março. O filme de estreia na televisão se chama “Inova Neymar” e conta com as participações de Pelé, Rivellino, Cafu e, claro, Neymar.

“É um grande orgulho contar com Embaixadores que marcaram e marcam a vida dos brasileiros da mesma forma que a Volkswagen fez e faz a diferença na indústria automobilística brasileira”, declarou o presidente da marca, Thomas Schmall.

Além da contratação dos “boleiros”, a Volkswagen também investirá no patrocínio à programação esportiva de três das maiores emissoras de televisão do país: Globo, Bandeirantes e SBT. Nas duas primeiras emissoras, a marca aparecerá nas transmissões dos campeonatos estaduais, nacionais e intercontinentais, enquanto no SBT o patrocínio será ao reality-show “Menino de Ouro”, que escolherá um novo talento do futebol nacional. Além de todas estas iniciativas, a Volkswagen é uma das patrocinadoras oficiais da Seleção Brasileira até o Mundial de 2014.

Novo Golf no Brasil? Schmall despista…

Futebol não foi o único tema do evento realizado nesta segunda-feira, 18 de março. Schmall evitou falar sobre as recentes declarações do vice-presidente mundial de compras da Audi, Bernd Martens, que admitiu a possibilidade da Audi voltar a produzir carros na planta de São José dos Pinhais (PR), atualmente usada para a fabricação de modelos Volkswagen.

“Ainda não tomamos nenhuma decisão. Cada montadora está avaliando o que fazer no Brasil, e precisamos pensar com calma (sobre o que fazer), mas há uma possibilidade grande da Audi voltar a produzir carros no país”, afirmou.

Questionado sobre as chances do novo Golf ser produzido no Brasil (já que o novo Audi A3 compartilha plataforma com o hatch da VW), Schmall foi sucinto. “Esta decisão será tomada em breve”, declarou. “Vamos investir bastante em novos produtos, pois estamos entrando em uma fase intensa de globalização. O Brasil terá plataformas e tecnologias mais avançadas”, prometeu o executivo.

Schmall prevê um crescimento de aproximadamente 2% da indústria automotiva em 2013, e espera que a Volkswagen acompanhe este ritmo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s