Décima geração do Honda Civic é revelada e quer subir de patamar

Modelo tem mais itens de série e acabamento interno mais refinado

fabricantes fabricantes

fabricantes (/)

Um dos sedãs mais vendidos do mundo chegou à décima geração de sua história. Na noite de quarta-feira (16), a Honda apresentou o novo Civic nos Estados Unidos e, com ele, sua ambição de fazer com o modelo suba de patamar no mercado global. Para isso, recheou o carro com itens de série em todas as versões, melhorou o acabamento interno e introduziu uma nova opção de motorização.

novo-honda-civic-2.jpeg novo-honda-civic-2.jpeg

novo-honda-civic-2.jpeg (/)

Por fora, também há novidades. O Civic está um pouco maior (5,1 centímetros mais largo e com 3 cm de espaço entre-eixos a mais) e, mesmo assim, 30,8 kg mais leve. Com um novo design (perfil de um fastback), a Honda conseguiu aumentar a eficiência aerodinâmica do sedã em 12%, enquanto a rigidez torcional foi elevada em 25%, graças à utilização de materiais como aço de altíssima resistência. Além disso, luzes diurnas e lanternas de LED são itens presentes em todas as versões (faróis de LED são opcionais).

novo-honda-civic-3.jpeg novo-honda-civic-3.jpeg

novo-honda-civic-3.jpeg (/)

A respeito da cabine, a marca japonesa informou que todas as opções de revestimento têm maior qualidade do que aquelas utilizadas até a geração anterior do Civic. Ela também está mais silenciosa, já que a vedação foi trabalhada para reduzir os vazamentos em 5,8%. O porta-malas foi ampliado em 73,6 litros, muito por conta do aumento geral de espaço interno – só para os passageiros do banco traseiro, por exemplo, são 5 cm a mais.

novo-honda-civic-4.jpeg novo-honda-civic-4.jpeg

novo-honda-civic-4.jpeg (/)

Já os itens de série padrão são o ar-condicionado automático, vidros elétricos dianteiros, travamento automático de portas, freio de estacionamento elétrico e console central com capacidade para 7,2 litros. Também vale menção o novo sistema multimídia, com tela sensível ao toque de sete polegadas, com suporte para as interfaces Android Auto e Apple CarPlay.

novo-honda-civic-5.jpeg novo-honda-civic-5.jpeg

novo-honda-civic-5.jpeg (/)

Outra novidade do Civic norte-americano está sob o capô. Agora, está disponível também um motor 1.5 turbo de 175 cavalos de potência, conectado a um câmbio CVT. Já o motor 2.0 naturalmente aspirado foi atualizado, ganhando pouco mais de 15 cv (totalizando agora 160 cv), podendo ser atrelado ao câmbio CVT ou a uma transmissão manual de seis marchas. Em termos de consumo, o sedã tem média bastante eficiente: 17 km/l.

Na América do Norte, o novo Civic começará a ser produzido já em 2015, no último trimestre. Os motores serão feitos em duas plantas: Russel Point (EUA) e Celaya (México). Já a montagem do carro ocorrerá em Greensburg (EUA) e Alliston (Canadá). O sedã deve chegar ao mercado brasileiro no próximo ano. A partir do ano que vem, a Honda pretende lançar globalmente as variantes cupê, hatch, Si e Type R.

O anúncio e as fotos oficiais confirmam as informações e projeções publicadas pela QUATRO RODAS em agosto. Confira a reportagem completa – incluindo também tudo sobre os novos Cruze, Corolla e Jetta nacional – clicando aqui.

VEJA MAIS– Honda surpreende e mostra Civic Concept

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s