Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Carro mais vendido do Brasil em 2020, Chevrolet Onix encarece em 2021

Aumento médio nos preços foi de 3,4% e, enquanto o Onix parte dos R$ 60.790 o Onix Plus beira os R$ 90.000 e o Tracker 1.2 turbo chega aos R$ 126.190

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 5 jan 2021, 10h43 - Publicado em 4 jan 2021, 07h00
Onix
Nova geração do Onix representa a grande parte das unidades emplacadas em 2020 Christian Castanho/Quatro Rodas

O Chevrolet Onix foi o carro mais vendido do Brasil em 2020. Foram 135.351 unidades do hatch emplacadas em todo o ano, garantindo a liderança do compacto pelo sexto ano consecutivo. E olha que a participação do Joy nesses números é bem pequena.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 6,90

Mas as comemorações com o resultado, a despeito do ano ruim para a indústria, não impediram uma nova tabela de preços que está em vigor desde o dia 2. O Chevrolet Onix da nova geração e seu sedã, Onix Plus, começam 2021 mais caros. O aumento médio é de 3,4%, de acordo com a fabricante em comunicado a seus concessionários.

Pela primeira vez o novo Onix tem preço inicial acima dos R$ 60.000: agora parte dos R$ 60.790. É um aumento de R$ 2.200 (3,75%) sobre os R$ 58.590 praticados na versão 1.0 MT, sem nome, destinada a vendas diretas. O sedã equivalente parte dos R$ 66.190 após aumento de R$ 2.000.

onix plus
Onix Plus Premier é equipado com rodas de liga leve de 16 polegadas Fernando Pires/Quatro Rodas

Versão com mais saída, a 1.0 LT passou dos R$ 60.490 para R$ 62.690 com motor aspirado e dos R$ 65.490 para R$ 68.190 com motor turbo e câmbio manual. Com câmbio automático, começa em R$ 73.690.

As versões mais caras e completas, Premier, custam agora R$ 81.890 no primeiro pacote e R$ 85.190 no segundo, que difere, por exemplo, por incluir assistente de estacionamento, carregamento sem fio para smartphone e monitor de pontos cegos.

Com esse mesmo pacote o Chevrolet Onix Plus passa a beirar os R$ 90.000. Passou dos R$ 85.490 para os R$ 89.390 (aumento de 4,5%), e vai a R$ 90.990 com pintura metálica. O Premier 1, por sua vez, subiu dos R$ 82.390 para R$ 86.190 (alta de 4,6%).

Continua após a publicidade

Onix RS
Onix RS já está mais caro Fernando Pires/Quatro Rodas

Também houve o primeiro aumento de preços para os Onix RS e Onix Plus Midnight. O hatch esportivo aumentou de R$ 75.590 para R$ 78.090, enquanto o sedã com detalhes pretos na carroceria passou a custar R$ 85.190, ante os R$ 81.390 praticados desde o lançamento.

O último aumento de preços do Chevrolet Onix foi promovido em setembro, com o lançamento da linha 2021 do compacto. Na ocasião, a General Motors também tirou equipamentos de série das versões de entrada e intermediárias – e muitos deles ficaram restritos às versões Premier.

Preços de todas as versões de Onix e Onix Plus na linha 2021

Nesta versão, lanternas traseiras não têm guias de led. Rodas de liga são de série, mas acabamento escurecido é acessório

  • Onix 1.0 (MT) – De R$ 58.590 para R$ 60.790
  • Onix 1.0 LT (MT) – De R$ 60.490 para R$ 62.690
  • Onix 1.0 Turbo (AT) – mantido em R$ 65.390
  • Onix 1.0 Turbo LT (MT) – De R$ 65.490 para R$ 68.190
  • Onix 1.0 Turbo LT (AT) – De R$ 71.490 para R$ 73.690
  • Onix 1.0 Turbo LTZ (MT) – De R$ 68.790 para R$ 71.590
  • Onix 1.0 Turbo LTZ (AT) – De R$ 74.590 para R$ 77.090
  • Onix 1.0 Turbo RS (AT) – De R$ 75.590 para R$ 78.090
  • Onix 1.0 Turbo Premier (AT) – De R$ 78.690 para R$ 81.890
  • Onix 1.0 Turbo Premier II (AT) – De R$ 81.890 para R$ 85.190
Onix
Divulgação/Chevrolet
  • Onix Plus 1.0 LT (MT) – De R$ 64.190 para R$ 66.190
  • Onix Plus 1.0 Turbo (AT) – mantido em R$ 68.390
  • Onix Plus 1.0 Turbo LT (MT) – De R$ 69.890 para R$ 72.890
  • Onix Plus 1.0 Turbo LT (AT) – De R$ 75.290 para R$ 78.490
  • Onix Plus 1.0 Turbo LTZ (MT) – De R$ 73.090 para R$ 76.390
  • Onix Plus 1.0 Turbo LTZ (AT) – De R$ 78.690 para R$ 81.890
  • Onix Plus 1.0 Turbo Midnight (AT) – De R$ 81.390 para R$ 85.190
  • Onix Plus 1.0 Turbo Premier (AT) – De R$ 82.390 para R$ 86.190
  • Onix Plus 1.0 Turbo Premier II (AT) – R$ 85.490 para R$ 89.390

Chevrolet Tracker também está mais caro em 2021

Tracker
Christian Castanho/Quatro Rodas

O SUV compacto Tracker também acompanhou a alta nos preços. Agora o modelo parte dos R$ 92.390 na versão 1.0 turbo com câmbio manual de seis marchas.

Com o aumento de R$ 3.900, o Chevrolet Tracker automático mais barato, LT, agora parte dos R$ 101.190. A versão topo de linha Premier 1.2 turbo passou dos R$ 121.290 aos R$ 126.190.

Preços de todas as versões do Tracker para 2021

  • Tracker 2021 1.0 turbo MT – De R$ 88.790 para R$ 92.390
  • Tracker 2021 LT 1.0 turbo AT – De R$ 97.290 para R$ 101.190
  • Tracker 2021 LTZ 1.0 turbo AT – De R$ 105.490 para 109.790
  • Tracker 2021 Premier 1.0 turbo AT – De R$ 114.590 para 117.990
  • Tracker 2021 Premier 1.2 turbo AT – De R$ 121.290 para R$ 126.190

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas 740

Continua após a publicidade

Publicidade