Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Carros terão alerta para evitar que crianças sejam esquecidas

Nos EUA, cerca de 40 crianças morrem por ano ao serem deixadas em veículos fechados. Projeto de lei quer tornar obrigatório sistemas que evitem acidentes

Por Mateus Silveira 5 set 2017, 19h26

 

Trancar o carro com crianças dentro é um esquecimento que pode ser fatal em dias quentes Skoda/Divulgação

O governo dos Estados Unidos introduziu no Senado, no fim do último mês, um novo projeto de lei obrigando as montadoras a instalar um sistema de alerta no qual o motorista recebe aviso para verificar o banco traseiro.

A medida foi tomada devido ao alto número de casos em que crianças foram esquecidas dentro do carro no país. Estima-se que anualmente morram 40 crianças nessas circunstâncias.

Como funciona?

O projeto Hot Cars Act exige que o Departamento de Transportes norte-americano defina uma regra dentro de dois anos para obrigar as montadoras a equiparem os veículos com algum sistema de alerta visual e auditivo.

Depois de definir como serão as regras, as fabricantes terão outros dois anos para passar a implementar o sistema nos novos veículos comercializados no país.

Continua após a publicidade

A intenção é que o motorista, ao descer do veículo e não retirar a criança do banco de trás, receba um alerta do veículo. Para se tornar lei o projeto precisa ser aprovado pelo senado e pelo presidente.

O que já existe?

A indústria tem tentado combater esse tipo de problema com soluções tecnológicas. O Waze tem um recurso chamado Child Reminder que, quando ativado, exibe um alerta de criança no banco traseiro.

App alerta que há criança no banco traseiro Android Police/Internet

Entre as montadoras de carro, a GM já disponibiliza um recurso de alerta em alguns modelos e a Nissan anunciou recentemente que a linha 2018 da Pathfinder também terá um alerta sonoro para que as crianças não sejam esquecidas.

No Brasil não há dados claros sobre os números de crianças esquecidas pelos pais dentro do carro, mas vez ou outra, incidentes como esses acontecem. Por ser um país tropical, as altas temperaturas sempre estão presentes, sendo um risco ao deixar os pequenos dentro dos veículos.

 

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês