Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

BYD King: preços, versões e equipamentos do novo sedã híbrido

Primeiro sedã híbrido plug-in do Brasil chega custando a partir R$ 175.800, mas, por R$ 6.000 extras, dá para melhorá-lo muito e até não pensar em gasolina

Por João Vitor Ferreira
Atualizado em 21 jun 2024, 08h12 - Publicado em 20 jun 2024, 12h00

O BYD King já chegou ao Brasil e seu objetivo é claro: se tornar o sedã híbrido mais vendido do Brasil. Mas, para isso, ele terá que enfrentar o Toyota Corolla, um rival bem mais tradicional e conhecido dos brasileiros.

Logo, a BYD aposta em um trem-de-força mais tecnológico e eficiente para desbancar o rival japonês. O King tem um conjunto híbrido plug-in, que tem como principal estrela o motor 1.5 aspirado a gasolina de 110 cv e 13,8 kgfm acoplado a um câmbio CVT.

BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

É a partir daqui temos as primeiras características que diferenciam as duas versões, GL e GS: a GL, mais básica, tem motor elétrico de 180 cv e 32,2 kgfm, além da bateria Blade de 8,3 kWh. Com esse conjunto, o King GL tem potência combinada de 209 cv e pode rodar até 55 km (ciclo NEDC) em modo elétrico, indo de 0 a 100 km/h em 7,9 s, segundo a BYD.

Continua após a publicidade
BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

Acima dele, o King GS já recebe um motor elétrico mais potente, com 197 cv e 33,1 kgfm. A bateria também é maior, de 18,3 kWh. Com isso, não só a potência combinada sobe para 235 cv, como também a autonomia elétrica chega a 120 km (NEDC) e o tempo de 0 a 100 km/h cai para 7,3 s.

Esses dois conjuntos mecânicos não são inéditos, sendo o mesmos que já vimos equipar o SUV Song Plus anteriormente.

BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

Em questão de tamanho, o King é mais avantajado que o seu rival japonês. São 4,78 m de comprimento (14 cm a mais), 2,72 m de entre-eixos (2 cm a mais), 1,84 m de largura (6 cm a mais) e 1,49 m de altura (6 cm a mais).

Mas apesar de ter um conjunto mecânico mais avançado que o Corolla, que é um híbrido pleno (sem recarga na tomada e podendo rodar algumas centenas de metros só na eletricidade), o King peca na assistência à condução, não oferecendo nenhum recurso como frenagem autônoma, assistente de troca de faixa ou monitor de ponto cego.

Esse é um dos motivos do sedã chegar em uma faixa de preço um pouco menor que a do Corolla. No Brasil, o King GL está à venda por R$ 175.800, enquanto a versão GS sai por R$ 187.800. O Toyota parte dos R$ 190.000 em sua versão híbrida.

Continua após a publicidade
BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

Confira equipamentos e preços do BYD King

BYD King GL – R$ 175.800

A versão GL traz como equipamentos de série o quadro de instrumentos digital de 8,8″, volante multifuncional, carregamento sem fio para celular, tomada 12 V, bancos com revestimento semelhante ao couro, bancos traseiros bipartidos rebatíveis e ajuste elétrico do banco do motorista em seis direções.

Há ainda quatro entradas USB tipo A (duas na frente e duas para o banco de trás), ar-condicionado digital com saída para o banco traseiro, central multimídia giratória de 12,8’’, abertura sem chave (via cartão NFC), câmera 360º, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, atualização remota por OTA (over-the-air), chip com 4G para uso da internet no carro, GPS integrado e sistema de som com seis alto-falantes.

Continua após a publicidade
BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

Por fim, há também assistência de partida em rampas, controle de cruzeiro, freio de estacionamento eletrônico, sistema de monitoramento da pressão dos pneus, seis airbags, e retrovisores elétricos e com aquecimento.

BYD King GS – R$ 187.800

A versão topo de linha traz exatamente os mesmos itens da versão GL com o acréscimo de ajuste elétrico do banco do passageiro, sistema de som com oito alto-falantes, faróis dianteiros com luz diurna integrada, luzes ambientes internas coloridas e ar-condicionado de duas zonas. Além, claro, do motor elétrico e da bateria bem melhores.

São incrementos notáveis, mas por uma diferença de R$ 12.000. É caro. O King chega ainda nesta semana às concessionárias da BYD, sendo vendido com seis anos de garantia para o carro e oito anos de garantia para a bateria, sem limite de quilometragem para ambos os casos. As cores disponíveis são branco, cinza e preto.

BYD King
BYD King (Divulgação/BYD)

Junto do sedã, a BYD também está lançando seu programa de assinaturas, o “BYD Mais”, em parceria com a Arval, empresa de gestão de frotas. Nessa modalidade, o King estará disponível com mensalidades de R$ 4.992, em um contrato de 36 meses com franquia de 1.500 km por mês.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.