Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Brasil pré-coronavírus vendia 10.000 carros/dia. Agora mal passa de 1.000

Março prometia alta nos emplacamentos, mas pandemia mudou tudo, paralisou mercado por mais de uma semana e levou a uma queda de 19% em relação a fevereiro

Henrique RodriguezPor Henrique Rodriguez Atualizado em 1 abr 2020, 16h13 - Publicado em 1 abr 2020, 16h11
Jeep Compass teve seu pior mês desde o lançamento, em 2016 Divulgação/Jeep

A queda acima dos 90% nos emplacamentos diários de automóveis na última semana já antecipava queda nas vendas.

Agora, números preliminares obtidos por QUATRO RODAS apontam para queda de 19,1% nas vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil em todo o mês março.

O mês fechou com 155.733 unidades emplacadas, queda de 19,1% frente as 192.639 unidades de fevereiro. Já na comparação com os emplacamentos de março de 2019 (199.550) a queda é de 22%.

Se compararmos as três primeiras semanas de março com a última semana e meia, quando o isolamento social pelo coronavírus foi intensificado, a média diária de emplacamentos caiu de 9.841 para 1.158 unidades, uma diferença de 88,23% (bem perto do percentual adiantado por nossa reportagem no início da semana).

É um número muito baixo, mas esperado, dada a situação do momento. O lado bom é que sinaliza que o mercado está, a medida do possível, respeitando a quarentena. E há empresas oferecendo soluções para contornar essa fase.

Os números de vendas diárias (veja o gráfico abaixo) revela queda abrupta nos emplacamentos nos últimos sete dias úteis de março.

Continua após a publicidade

Mas isso não prejudicou a liderança inoxidável do Chevrolet Onix, ainda que com 12.007 unidades, mas Ford Ka (7.104 emplacamentos) e Hyundai HB20 (com 7.041) retomaram a segunda e a terceira posições, respectivamente, enquanto o Onix Plus caiu para quarto.

Onix é líder no mês, mas Onix Plus caiu para o quarto lugar Chevrolet/Divulgação

Alguns carros, porém, foram menos impactados que outros.

Enquanto o Jeep Renegade passou de décimo para oitavo, defendendo o título de SUV mais vendido em março, o VW T-Cross manteve a nona posição.

  • O Renault Kwid, passou de sexto para a décima posição no ranking. Já o Jeep Compass despencou de 12° para 19°, uma posição onde não figurava desde seu primeiro mês cheio, novembro de 2016.

    Chevrolet Tracker 2021 Christian Castanho/Quatro Rodas

    Já para o Chevrolet Tracker, ser o 25° é motivo de comemoração. O início das entregas da nova geração e as promoções para acabar com o estoque do modelo antigo resultaram em 1.907 emplacamentos – ante os 1.337 de fevereiro

    Os 25 carros mais vendidos em março de 2020

    Posição Marca/Modelo Número de vendas
    Chevrolet Onix 12.007
    Ford Ka 7.104
    Hyundai HB20 7.041
    Chevrolet Onix Plus 6.670
    Fiat Argo 6.071
    Volswagen Gol 5.667
    Fiat Strada 4.798
    Jeep Renegade 4.494
    Volkswagen T-Cross 4.494
    10º Renault Kwid 4.109
    11º Volkswagen Polo 3.771
    12º Toyota Corolla 3,642
    13º Ford Ka Sedan 3.626
    14º Nissan Kicks 3.596
    15º Fiat Toro 3.596
    16º Fiat Mobi 3.527
    17º Hyundai Creta 3.483
    18º Renault Sandero 3.303
    19º Jeep Compass 3.059
    20º Toyota Hilux 2.971
    21º Honda HR-V 2.761
    22º Volkswagen Saveiro 2.667
    23º Volkswagen Virtus 2.561
    24º Ford EcoSport 2.050
    25º Chevrolet Tracker 1.907

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade