Clique e assine por apenas 8,90/mês

BMW Série 8 Gran Coupé estreia para patrões que preferem dirigir

Sedã com perfil de cupê leva só quatro passageiros e soma visual ousado com luxo topo de linha

Por Rodrigo Ribeiro - 19 jun 2019, 17h37
Os faróis de led matriciais usam laser no facho alto em altas velocidades e locais escuros Divulgação/BMW

Há exatamente um ano QUATRO RODAS antecipou um segredo mundial: o visual das novas versões do Série 8, incluindo o inédito Gran Coupé.

As primeiras imagens oficiais do sedã reveladas nesta quarta (19) confirma as linhas reveladas pelo INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial).

A traseira alongada manteve as linhas que estrearam no Série 8 Divulgação/BMW

Apesar da dianteira indicar que o modelo é somente um Série 8 com quatro portas, um olhar mais atento na ficha técnica indica que as diferenças são bem maiores.

O painel é idêntico ao do Série 8 de duas portas Divulgação/BMW

O Sedã é mais comprido, alto e largo que o cupê do qual original, mudando até o para-brisas. As alterações incluem 22,9 cm a mais no comprimento, 3 cm na largura e 5,6 cm na altura. O entre-eixos também foi ampliado em 20,7 cm.

Os assentos traseiros são individuais Divulgação/BMW

As modificações abriram espaço para que os bancos traseiros sejam confortáveis para algo além das duas crianças que o Série 8 pode levar.

Todas as portas não possuem batentes para os vidros Divulgação/BMW

Como o cardã ocupa bastante espaço no túnel central, a BMW optou por oferecer o modelo somente na configuração de quatro lugares.

O quadro de instrumentos é totalmente digital Divulgação/BMW

O pacote de motores é similar ao do Série 8, com as opções a gasolina indo de um seis-cilindros biturbo de 340 cv ao V8 4.4, também sobrealimentado, de 530 cv. O câmbio é sempre automático de oito marchas, com tração traseira ou integral opcional.

O câmbio das versões a gasolina será sempre automático de oito marchas Divulgação/BMW

Quem busca mais desempenho deverá esperar a estreia da versão esportiva M8 Gran Coupé, que deve ser lançada no final do ano.

As chances do sedã chegar ao Brasil são grandes, mas sua estreia por aqui deve ocorrer somente no final do ano.

Continua após a publicidade
Publicidade