Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Longa Duração: concessionária promete óleo grátis para o novo Jeep Compass

Na primeira revisão, autorizada trata como normal o consumo de óleo do Compass e diz que, se necessário, não cobrará a reposição

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 6 jan 2022, 14h28 - Publicado em 6 jan 2022, 12h11

O fato de ter revisões com intervalo de 12.000 km causou pequenos sustos em nossa equipe às vésperas da primeira parada do nosso Jeep Compass 1.3 turbo. O medo era ter perdido o prazo da revisão, pois os outros carros obedecem o intervalo usualmente adotado pelas fábricas de 10.000 km. A compensação tende a vir a longo prazo, com uma parada a menos na oficina a cada 60.000 km.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Antes da primeira revisão, uma verificação no nível do óleo revelou que o consumo nos pouco mais de 3.500 km desde que completamos o nível foi de cerca de 300 ml, considerando que a diferença entre o nível máximo e o mínimo da vareta representa 1 litro. Está na média das últimas verificações.

E esse consumo de óleo foi uma das anotações que passamos para a consultora técnica ao deixar o Compass para a revisão na Jeep Divena, em São Paulo – que nos questionou sobre a qualidade e a origem do óleo, comprado em outra concessionária.

Compass Longa Duração
Computador informa troca de óleo por prazo, mas não permite conferir ou alerta sobre queda de nível do lubrificante Leonardo Barbosa/Quatro Rodas
Compass Longa Duração
Leonardo Barbosa/Quatro Rodas

A outra reclamação foi para um rangido bem agudo na região da central multimídia que acompanha a vibração do carro, e que também percebemos nos outros Jeep Compass que testamos desde sua reestilização e também no Commander, mas que é especialmente alto em nosso carro.

Compartilhe essa matéria via:

 

Em um primeiro momento, a consultora confundiu o ano de entrega, dizendo que havia ultrapassado o intervalo de um ano e, por isso, perdido a garantia. Mas acabou surpresa com o fato de o carro já estar passando pela primeira revisão por causa da quilometragem e não por tempo.

Continua após a publicidade

Não dá para perder a atenção. Na hora do orçamento, foram apontados todos os serviços preconizados na primeira revisão, que é basicamente uma troca de óleo e filtros de óleo e combustível, mas pulou um item: “Flushing do motor 200 ml” por R$ 156. Questionamos e, por não ser obrigatório, dispensamos.

Compass Longa Duração
Filtro de ar tem lã de proteção, que estava suja e, de fato, em seu momento de troca Fernando Pires/Quatro Rodas

O que incluímos foi a troca do filtro de cabine (enquanto nos era oferecida a limpeza de todo o sistema do ar-condicionado), por R$ 99, e alinhamento, balanceamento e rodízio dos pneus, por caros R$ 300, totalizando R$ 749.

Na retirada do carro, no final do dia, a revisão havia ficado mais cara, passando aos R$ 802. O motivo foi o filtro de ar do motor, que seria apenas verificado, mas foi substituído. Pedimos, então, este filtro para uma consulta posterior.

Sobre os pedidos de verificação, disseram não haver nada de anormal no consumo de óleo do motor e garantiram que, caso o óleo do motor volte a baixar, é só levar o carro à concessionária que farão a reposição gratuitamente. Fica o aviso aos proprietários do Compass com motor 1.3 turbo.

Compass T270 - Longa Duração
Nível do óleo aos 12.000 km, pouco antes de ir para a revisão. Reservatório havia sido completado com 1 litro aos 8.400 km. Concessionária nos assegurou que completará se baixar novamente Fernando Pires/Quatro Rodas

Disseram ter mexido na central multimídia para eliminar o rangido, mas logo ao sair com o carro notamos que o ruído permanece.

Na parada na Fukuda Motorcenter para verificação dos serviços, o técnico Fabio Fukuda constatou que o rodízio foi feito errado, um erro recorrente em concessionárias de todas as marcas que testamos.

No caso do Compass, os pneus traseiros passam para a frente trocando o lado. “O filtro do motor realmente estava bem sujo, mas o filtro de cabine que devolveram é de outro carro”, explicou o técnico.

Ainda conseguimos ativar o plano de 4G (desafio relatado na edição passada) dias depois. A Jeep solicitou o atendimento à Tim, que ajudou na contratação do serviço.

Ficha técnica – Jeep Compass S T270 (1.3 turbo)

  • Motor: diant., transv., 4 cil., 1.3 cm3; 16V, 185/180 cv a 5.750 rpm, 27,5kgfm a 1.750 rpm
  • Câmbio: automático, 6 marchas, dianteira
  • Suspensão: McPherson (diant. e tras)
  • Freios: discos ventilados (diant.)/sólidos (tras.)
  • Direção: elétrica, 11,3 m (diâmetro de giro)
  • Rodas e pneus: liga leve, 235/45 R19
  • Dimensões: comprimento, 441,6 cm; altura, 164,4 cm; largura, 182 cm; entre-eixos, 263,6 cm; porta-malas, 410 l; tanque, 60 l

Jeep Compass – 13.140 km

Ficha técnica:
Versão: Longitude 80 anos 1.3 Turbo
Motor: 4 cil., diant., transversal, 1.332 cm3, 16V, turbo, injeção direta, 185/180 cv a 5.750 rpm, 27,5 kgfm
a 1.750 rpm
Câmbio: automático, 6 marchas, tração dianteira
Seguro: R$ 1.740 (Perfil Quatro Rodas)
Revisões: Até 96.000 km – R$ 5.819
Gasto no mês: Combustível: R$ 1.970
Consumo: No mês: 9,1 km/l com 23,9% de rodagem na cidade
Desde agosto/21: 9,7 km/l com 24,4% de rodagem na cidade
Combustível: Flex (gasolina)

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

A edição 752 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)