Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Brincando de médico

Por Redação 4 mar 2011, 19h42

46531 km

Às vésperas do Natal, aos 44 862 km, o Agile resolveu iluminar seu painel acendendo a luz do sistema de injeção. Essa é a terceira vez que isso acontece. Nas outras duas ocasiões, as concessionárias conectaram o aparelho de diagnose e se limitaram a informar que se tratava de “algum defeito simples”, que não ocasionou nenhuma falha de funcionamento, mas, por segurança, a central disparava o aviso de necessidade de uma verificação em concessionária. O sistema, então, era “reinicializado”, a luz se apagava e a vida seguia.

Levamos o Agile até a concessionária paulistana Anhembi. Explicamos à recepcionista que o manual pedia verificação imediata caso a luz de injeção se acendesse, mas mesmo assim ela disse que era preciso agendar uma data. O consultor técnico Thiago Fermino, no entanto, concordou com nosso argumento e analisou o carro. Com o scanner conectado à central eletrônica do Agile, localizou o código de erro gerado e constatou se tratar de um aviso disparado pelo sensor de altura do pedal de embreagem. “É um sistema novo, que estreou no Agile. Fiz uma verificação e pareceu estar tudo normal”, disse Fermino.

A informação do consultor da Anhembi foi confirmada por diversas outras concessionárias que ainda reconheceram que tal manifestação é comum nos Agile – o que explicaria a tranquilidade da recepcionista da Anhembi ao pedir para voltarmos depois. Como saber se a luz acesa é algo grave que exija parada imediata? “Se o responsável for o sensor do pedal, o piloto automático deixa de funcionar, pois também trabalha indexado a ele. Mas, se a luz acender e o piloto automático continuar funcionando, é bom parar numa concessionária o quanto antes, pois o problema estará, de fato, no sistema de injeção”, garantiu um consultor que pediu para não ser identificado.

Continua após a publicidade

Sobre a quantidade exata de óleo do motor e o vazamento do reservatório do fluido da direção hidráulica, reportados na edição de janeiro, a GM informa que os dois casos continuam em análise e dará uma resposta tão logo seja possível.

Consumo:

No mês (55,4% na cidade): Álcool 5 km/l

Desde mar/10 (31,4% na cidade): Álcool 7,8 km/l

Principais ocorrências

44862 km: luz de injeção acesa

Continua após a publicidade

Publicidade