Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Ram Rampage é oficializada e já tem mudanças de motores previstas

Stellantis oficializa chegada da picape média, que, em sua estreia, terá motor 2.0 a gasolina e outro a diesel, com substituições já previstas

Por Eduardo Passos
19 abr 2023, 11h42

Adiantada em capa da edição 756 de QUATRO RODAS, a picape média da Ram é uma realidade. Não que houvesse dúvidas, mas, pela primeira vez, a Stellantis falou abertamente sobre a chegada da Rampage, em um teaser sem citação de nome, revelação de visual ou qualquer outro detalhe.

Mas estamos aqui para saciar sua curiosidade. Assim, trazemos dados que atualizam o que mudou desde então no projeto 291, além de novas informações. A principal delas é o nome: como já citado, estamos falando da Ram Rampage, que, apesar da cacofonia, é como se chamará a nova concorrente do cobiçado segmento das médias. Uma aposta distante de todas as especulações, que incluíam “Ram 1200” ou até uma volta da Dakota.

Nova picape herda a base daFiat Toro, revista e ampliada
Nova picape herda a base da Fiat Toro, revista e ampliada (Renato Aspromonte (REPRODUÇÃO PROIBIDA)/Quatro Rodas)

Também já conhecemos três versões que estarão à venda. Seguindo a nomenclatura adotada nos Estados Unidos, a mais barata delas será a Rampage Big Horn, vindo em seguida a Rampage Laramie. Também haverá uma variante com apelo esportivo, a Rampage Rebel, das fotos, que tende a aproveitar bastante o motor 2.0 turbo da família GME, com números que podem chegar a 270 cv e mais de 40,0 kgfm.

Continua após a publicidade
Faróis devem ser mais afilados do que imaginamos, mas sem perder estilo consagrado pelas irmãs maiores
Faróis devem ser mais afilados do que imaginamos, mas sem perder estilo consagrado pelas irmãs maiores (Frank Medeiros/Quatro Rodas)

Para manter o burburinho, a Stellantis começou a despir gradualmente seu lançamento, como mostram os flagras do leitor Frank Medeiros, de Natal (RN). Entre as novidades, é possível notar as lanternas da caminhonete em totalidade. Também dá para notar os faróis em leds, um pouco mais afilados do que tínhamos em mente na projeção de um ano atrás.

O que acertamos, porém, é o uso da plataforma Small Wide, da Fiat Toro. A imagem lateral passa sensação de estranhamento que será comum daqui em diante: uma picape média com estrutura monobloco, sem a típica separação entre caçamba e cabine.

Continua após a publicidade
Picape média monobloco: cena que se tornará comum nas ruas brasileiras
Picape média monobloco: cena que se tornará comum nas ruas brasileiras (Frank Medeiros/Quatro Rodas)

Outro ponto incomum é a tração dianteira da picape, e o que vai sob o capô traz novidades importantes. Além do motor 2.0 turbo, certamente haverá versão a diesel, mas sem o motor 2.2 que prevíamos. Esse ficará para o ano que vem, e o primeiro ano da Ram Rampage será suprido pelo 2.0 que atende à Toro e Jeep Compass. Uma espécie de plano B, segundo fontes.

Mais um desfalque importante nessa estreia é a incompatibilidade com etanol, afinal de contas o elogiado motor GME fará sua estreia no Brasil apenas a gasolina. Mais uma vez, algo que as equipes de Betim (MG) e Goiana (PE) não gostariam, mas tiveram que lidar.

Espere ter a Rampage à venda em algum ponto do segundo semestre de 2023. Nas palavras da Stellantis, a caminhonete é uma união da escola brasileira e norte-americana de fazer carros. Segundo o grupo, a nova Ram quer atender a bons requisitos de robustez, performance e luxo. Entre os itens de conforto, haverá bancos com tecido em couro e provável estética que tende ao country, além de som de alta-fidelidade da Harman Kardon,

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.