Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Toyota Corolla Cross é o carro mais amado pelos donos no Brasil em 2023

Os Eleitos 2023 escutou os donos e descobriu os carros que mais agradam quem os têm. Confira a lista por categorias e o ranking geral!

Por Paulo Campo Grande Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 1 dez 2023, 08h56 - Publicado em 30 nov 2023, 12h04

Satisfazer proprietários de automóveis é um desafio e tanto para a indústria. Além das diferentes necessidades e expectativas dos indivíduos, muitas vezes o que o consumidor declara querer, nas clínicas que as fábricas organizam, é bem diferente daquilo que de fato ele deseja. Há motorista que se diz fã de esportivos, mas na prática não quer abrir mão do conforto de uma suspensão macia. Há comprador de SUV que sente saudade da posição de dirigir bem encaixada de seu antigo cupê. E assim por diante.

A pesquisa Os Eleitos, que QUATRO RODAS realiza há 23 anos, mede exatamente a satisfação dos motoristas com seus modelos, baseada na importância que eles dão aos diferentes aspectos de um carro, e depois de terem convivido com suas escolhas, ou seja: já conhecendo o modelo que têm na garagem.

Quem responde à pesquisa são os próprios donos dos veículos. Os participantes devem informar número do CPF e o código Renavan do veículo, para atestar que é o proprietário e mais ninguém que está se manifestando. Informações essas que são checadas.

Os motoristas são questionados sobre os diferentes aspectos do automóvel, em relação a desempenho, segurança, conforto, dirigibilidade, design, assistência, custos, manutenção e confiança na marca. As respostas resultam em pontuação, levando em conta expectativa e satisfação declaradas, o que permite apontar quais os modelos que fazem maior sucesso entre seus donos, podendo assim até ser comparados, mesmo que pertençam a categorias diferentes.

Os Eleitos utiliza critérios rígidos para garantir a precisão da pesquisa
Os Eleitos utiliza critérios rígidos para garantir a precisão da pesquisa (Reprodução/Quatro Rodas)

Ou seja: o carro com maior pontuação na pesquisa é seguramente o que mais agrada, na comparação com outro de pontuação menor, mesmo que de outra categoria. Por isso, conseguimos apontar um campeão do mercado. Nós revelamos os mais bem cotados, entre hatches compactos, sedãs, picapes e SUVs compactos, médios, grandes e cupês, este último grupo destacado pela primeira vez na apresentação da pesquisa.

Os Eleitos acompanha os movimentos do mercado. Dessa forma, os segmentos que crescem e se especializam são retratados em diferentes categorias. É o caso dos SUVs. Enquanto os que diminuem em número de ofertas perdem espaço. É o caso dos sedãs. O avanço das picapes ainda não se refletiu este ano. Mas, considerando o número de lançamentos recentes nessa categoria, pode-se esperar maior presença delas nas próximas edições.

Continua após a publicidade
Corolla
Motorista, quando gosta do carro que tem na garagem, se torna um defensor desse modelo. Mas o contrário também pode acontecer. Os Eleitos escuta os motoristas e revela quais são os carros mais bem cotados na opinião dos proprietários. Veja se o seu aparece aqui e se você concorda com o que andam dizendo dele por aí (Fernando Pires/Quatro Rodas)

A pesquisa parte dos 50 veículos mais vendidos do mercado, os quais são submetidos ao escrutínio dos motoristas. Para que as avaliações tenham relevância estatística, fixamos um número mínimo de respostas para a obtenção das pontuações. As respostas de participantes que não atenderam as regras da pesquisa por algum motivo – por exemplo, ser menor de 18 anos e carros que não atingiram o mínimo de respostas necessárias – ficam de fora. Este ano, chegaram ao final 26 modelos, sendo apresentados aqui os três mais bem colocados em cada categoria.

As fábricas que conseguem entender a cabeça do consumidor e atender seus anseios mais verdadeiros se dão melhor no mercado. Mas, para chegar lá, não basta somente acertar no produto, porque a experiência do proprietário inclui suas interações com a rede de assistência e, por isso, Os Eleitos mede também a satisfação dos motoristas em relação ao atendimento pós-vendas das marcas. Acompanhe a seguir como se saíram os carro e as fábricas, na opinião dos consumidores.

PONTUAÇÃO

As médias finais da pesquisa – sejam gerais ou de atributos – refletem a satisfação dos proprietários em relação a seus carros, de acordo com suas expectativas. A nota 100 mostra que o modelo alcançou o que seus donos esperavam dele. Índices acima de 100 revelam que o veículo superou as expectativas. Entre 80 e 100 significa que as expectativas foram apenas razoavelmente atendidas. E abaixo de 80 indica que os consumidores estão insatisfeitos.

ATRIBUTOS PESQUISADOS
São analisados 23 itens divididos em nove categorias
Custos – Preço de revenda, preço de compra, preço de seguro, preço de peças, consumo urbano e consumo rodoviário
Confiança na marca – Ser um fabricante confiável
Cobertura da rede – Ser um fabricante com ampla rede de concessionárias autorizadas
Design/modelo – Ser um projeto moderno, design do carro
Desempenho – Rapidez no arranque, facilidade de ultrapassagem
Segurança – Estabilidade nas curvas, transmitir segurança, presença de dispositivos de segurança
Dirigibilidade – Oferecer boa visibilidade, facilidade de acesso aos comandos
Conforto – Acabamento interno, baixo nível de ruído, espaço interno, espaço no porta-malas/caçamba, presença de equipamentos
Manutenção – Durabilidade/resistência das peças

Continua após a publicidade

Os Eleitos 2023: Hatches compactos

hatches compactos
(Divulgação/Quatro Rodas)

  Chevrolet Onix – 98,1
Segundo colocado nas duas edições anteriores, desta vez o Onix assumiu o primeiro lugar na categoria. Custos, como preço de compra (87,6) e de seguro (86,6), continuam pesando negativamente para a satisfação do cliente. Mas o Onix recebeu sete notas acima de 100 pontos: preço de revenda (105,9), tamanho da rede de concessionárias (105,4), design (104), arranque (102,1), modernidade (102), porta-malas (100,9) e facilidade de acesso aos comandos (100,4). O Chevrolet que no ano passado tinha média geral de 94,9 ficou agora com 98,1. Ano anterior 94,9

Hyundai HB20 – 97,7
Outro modelo que subiu no conceito dos proprietários, o HB20 saiu do terceiro lugar no ano passado para o segundo este ano. Sua média geral, que era de 93,5, chegou a 97,7. As menores notas foram em preço de compra (84,8) e preço de peças (86,1), embora esta tenha ficado bem próxima da média do segmento (86,6). As maiores foram em espaço interno (104,2) e rapidez de arranque (103,5). Ano anterior 93,5

Volkswagen Polo – 97,2
O Polo teve lua de mel prolongada com o público, sendo o vencedor da categoria em quatro edições. Este ano, porém, ele baixou duas posições. Sua média geral, que era de 98,5, ficou em 97,2. Essa queda não contempla o reposicionamento do carro, que teve como consequência o aumento nas vendas. Sua pior nota (82,4), em preço de compra, foi a menor da categoria, com 86,5 na média. Ano anterior 98,5

Os Eleitos 2023: Sedãs

Sedas
(Divulgação/Quatro Rodas)

Toyota Corolla – 99,5
A saída do Honda Civic, recordista de vitórias nesta pesquisa, deixou espaço para seu sucessor natural na posição, o Toyota Corolla, que, mesmo sendo líder de mercado, sempre ficava atrás do rival, na avaliação da satisfação dos proprietários. O Civic tinha fãs entre seus donos. De qualquer modo, trata-se de dois expoentes da pesquisa. Ano passado, o Corolla ficou em segundo, com a média de 97,6, contra 100,8 pontos do Civic. Este ano, o Toyota obteve 99,5. Os participantes da pesquisa elogiaram principalmente o design (105,5) e o arranque (103,5). Criticaram o preço de compra, sua pior nota (91,2). Ano anterior 97,6

Nissan Versa – 98,3
Com a redução da oferta de sedãs e a consequente unificação da categoria, que antes era dividida em sedãs compactos e sedãs médios, o Versa, que foi vencedor entre os compactos em 2022, surge agora no segundo posto. Mas não foi por essa mudança que ele perdeu uma posição. Sua média geral, que era nota 100, caiu para 98,3 este ano. Se continuasse sendo 100, ele passaria o Corolla. Antes, o Versa havia ultrapassado os 100 pontos em nove dos 23 atributos considerados, enquanto desta vez obteve somente quatro notas acima desse patamar: arranque (103,6), design (102,3), porta-malas (102,1) e visibilidade (100,1). Ano anterior 100

Chevrolet Onix Plus – 98,1
Mesmo com desempenho mais tímido que sua versão hatch, o Onix Plus faz bonito nesta edição de Os Eleitos, pelo fato de ter ficado entre os três premiados, desempenho que ele não havia conseguido antes, quando a categoria era dividida. Assim como o hatch, o sedã somou pontos em design (104,2), preço de revenda (104) e tamanho da rede (103,9). E perdeu em preço de peças (83,7) e preço de compra (86,1). Ano anterior

Os Eleitos 2023: SUVs compactos

SUvs Compactos

Citroën C4 CACTUS – 98,3
O C4 Cactus não teve médias muito acima de 100, mas obteve várias próximas a 100 e isso o levou à vitória nesta disputada categoria. A pontuação dos três finalistas, com diferenças de 0,1 e 0,2 pontos, mostra que, quanto maior o número de opções no mercado, melhor para o consumidor, porque mais apertada fica a disputa. O Citroën venceu com a nota 98,3, seguido por VW T-Cross, com 98,2, e Honda HR-V, com 98. Seu ponto forte foi o desempenho, com boas notas em facilidade na ultrapassagem (102,6) e rapidez no arranque (102). O fraco está relacionado à manutenção: durabilidade e resistência das peças (94) e preço das peças (94,5). Ano anterior

Volkswagen T-Cross – 98,2
Primeiro colocado no ano passado, junto com o Nivus, que este ano migrou para uma nova categoria, SUVs cupês, o T-Cross obteve uma pontuação ligeiramente menor este ano: 98,2 contra 98,6, em 2022. Ele conquistou sete notas acima de 100. Mas foi prejudicado com notas baixas, como 87,8 em acabamento interno, um mal congênito da linha VW, que é alvo de reclamações recorrentes não só no T-Cross, mas nos outros modelos da linha. Entre prós e contras, o Volks ainda conseguiu assegurar o segundo lugar. Ano anterior 98,6

Honda HR-V – 98
Com um comportamento semelhante ao do C4 Cactus, com boas notas em quase todos os quesitos, o HR-V conseguiu aparecer entre os três primeiros. Sua pior nota foi em preço de compra (88,6) e a melhor aconteceu em um aspecto em que esse Honda é reconhecidamente superior, espaço interno (101,8). O HR-V teve média geral de 98, mas um dos itens em que ele se destacou mais que os rivais foi confiança do fabricante, com a nota 98,8, enquanto o Citroën terminou com 93,3 e o VW, com 96 pontos. Ano anterior

Os Eleitos 2023: SUVs Cupês

SUVs Cupes
(Reprodução/Quatro Rodas)

Volkswagen Nivus – 98,3
O Nivus estreia, no primeiro lugar, a nova categoria SUVs Cupês, que teve finalistas. Sua média geral foi um pouco menor que no ano passado, quando concorria com os SUVs compactos: 98,3 contra 98,6. O que mais agrada os motoristas é seu design (105,8). Como primeiro representante do estilo cupê em nosso mercado, é natural que ele seja lembrado nesse quesito. E também seu porta-malas (105,1), outro atributo em que ele chamou a atenção, principalmente por ser derivado do hatch Polo, que tem um porta-malas menor. São 415 litros contra 300 litros. O que mais desagrada recai sobre o preço de compra (87,4) e o acabamento (87,7), os dois itens em que ele levou as piores avaliações. Ano anterior 98,6

Fiat Fastback – 96,4
Com a média geral de 96,4, o Fastback conquistou sua melhor pontuação graças ao grande porta-malas de 600 litros. Em segundo lugar, o SUV cupê foi favorecido pelo visual, que parece inspirado nos cupês da série X da BMW, aspecto em que conquistou nota 107,3 (design). O desempenho também foi destaque: arranque 103,3. Isso porque o Fastback ainda não contava com a versão Abarth, lançada este mês. As críticas ficaram por conta do nível de ruído (81,6), consumo urbano (87,6) e acabamento (89,5). Ano anterior

Os Eleitos 2023: SUVs médios

SUVs MEdios
(Reprodução/Quatro Rodas)

Toyota Corolla Cross – 100,5
Eis um carro com proprietários satisfeitos. O Corolla Cross ficou em primeiro na categoria, com distância em relação aos rivais, e liderou também na média geral. Os atributos mais elogiados por seus donos foram os relacionados ao desempenho: rapidez de arranque (107,2) e facilidade de ultrapassagem (103). Sem abrir mão do consumo na estrada (102) e do design (102). E mesmo quando levou notas ruins, elas foram acima da média da categoria. Em preço de compra, o Toyota ficou com 95,9 pontos, enquanto a média do rival foi 91,1. E em preço de peças, 95,1, contra 90,6. Ano anterior 99,4

Continua após a publicidade

Caoa Chery Tiggo 7 – 97,2
O primeiro carro da Caoa Chery a figurar entre Os Eleitos estreou em grande estilo: segundo lugar na categoria, empatado com um rival de marca com tradição no mercado, o VW Taos, com nota final 97,2. Acabamento interno e design foram suas principais virtudes (102,7, nos dois aspectos). Seguido de rapidez de arranque (102,4). Mas faltou fôlego nos itens rede de concessionárias autorizadas (86,3) e preços de peças (90,2) – esta nota abaixo da média da categoria (90,6). Ano anterior

Volkswagen Taos – 97,2
Por razões diferentes, o Taos chegou à mesma nota geral do Tiggo 7. O VW não tem limitações na rede de concessionárias (101,7). Embora o Taos não agrade tanto os motoristas como o Caoa Chery, nas ultrapassagens (96,7). A maior nota do VW foi em espaço do porta-malas (106). A capacidade é de 498 l, contra 475 l do Tiggo 7. A diferença não é tanta. Mas com essa nota o Taos ficou bem acima da média da categoria (101,6). As piores médias foram preço de revenda (90,2), contra 94,2 do segmento. E preço de compra (86,5). Ano anterior

Jeep Compass – 96,4
O Compass foi o segundo da categoria que teve apenas dois finalistas no ano passado. Sua média geral não caiu quase nada, de 96,6 para 96,4. Mas surgiram dois concorrentes com maior pontuação. O Jeep somou pontos em aspectos relacionados com a vida a bordo: visibilidade (101,9) e facilidade de acesso aos comandos (100,8). E perdeu em itens que pesam no bolso: consumo urbano (85,9), preço de peças (85,9) e preço de seguro (87,1). Ano anterior 96,6

Os Eleitos 2023: SUVs Grandes

SUVs Grandes
(Reprodução/Quatro Rodas)

Jeep Commander – 97,5
Único representante da categoria a conseguir o mínimo de respostas necessárias, em um segmento com poucas ofertas, o Commander oscilou entre extremos. Foi bem cotado em espaço do porta-malas (106,3), espaço interno (104,1), consumo rodoviário (103,4) e ergonomia e visibilidade (duas notas 102,4). Mas deixou a desejar em custos: preço de compra (88,6), preço de seguro (87,6) e preço de peças (87,5). Além de confiabilidade do fabricante do carro (89,1). Ano anterior

Os Eleitos 2023: Picapes

PICAPES
(Reprodução/Quatro Rodas)

Ford Ranger – 96,8
Mesmo antes da atualização que recebeu, com a chegada da nova geração, a Ranger já gozava de bom conceito entre seus proprietários. Do segundo lugar na pesquisa do ano passado, a Ford pulou para o primeiro este ano. Ela só conseguiu uma nota acima de 100. Foi em capacidade da caçamba (103,2). Mas em todos os outros 22 atributos a Ranger ficou acima de 90 pontos. A menor nota foi em preço de seguro (90,5) – todas as picapes sofrem desse mal. Sua média geral foi de 96,8, contra 94,9 de 2022. Ano anterior 94,9

Fiat Toro – 96,1
A Toro baixou a somatória total de pontos, de 96,7 para 96,1, enquanto a Ranger subiu e, por isso, elas trocaram de posição na pesquisa. O desempenho da Fiat, porém, seguiu consistente. Ela se saiu bem em design (102,3), rapidez de arranque ( 101,9) e capacidade de caçamba (101,2). E obteve apenas uma nota abaixo de 90, foi em preço de peças (86,8) e, ainda assim, bem perto da média da categoria (86,6). Ano anterior 96,7

Nissan Frontier – 95,3
Na edição anterior, a Frontier não conseguiu o número mínimo de respostas, mas agora chegou lá. Ao contrário das rivais, a Nissan terminou com discrepância entre as notas altas e baixas. Entre as mais altas, conquistou pontos em capacidade de caçamba (105,2), design (102) e arranque (100,5). Mas, na outra ponta, perdeu em preço: de peças (88,9), revenda (86,2), compra (85,2) e seguro (82,1). Ano anterior

Os Eleitos 2023: Grande campeão

Grande Vencedor
(Divulgação/Quatro Rodas)

Vitória inconteste

Primeiro SUV a conquistar o título de Grande Campeão de Os Eleitos, Toyota Corolla Cross se consagra bicampeão em sua categoria, superando as expectativas dos consumidores e tendo a versão sedã no segundo lugar da classificação geral

Lançado em 2021, o Corolla Cross estreou em Os Eleitos no ano passado já no primeiro lugar da categoria. Agora, além de se tornar bicampeão entre seus pares, ainda conquistou a maior pontuação na contagem geral: 100,5. Ele foi o único modelo que ficou com média acima de 100. Ou seja, que superou as expectativas dos proprietários na média geral, pela metodologia da pesquisa, que chega ao índice de satisfação levando em conta a importância que os motoristas dão a cada um dos 23 atributos pesquisados.

Continua após a publicidade
Toyota Corolla Cross XRX Hybrid flex 2022
Mais do que não decepcionar, Corolla Cross excedeu as expectativas do seus compradores e venceu Os Eleitos 2023 (Fernando Pires/Quatro Rodas)

O segundo colocado foi outro Corolla: o sedã, com a média de 99,5. Quase lá. Já estava na hora de um SUV se destacar na contagem geral. Os SUVs se tornaram populares no mercado brasileiro em meados da década passada, com lançamentos importantes, como o do Jeep Renegade, em 2016, modelo que chegou e logo caiu no gosto do público.

O Corolla Cross demorou um pouco a chegar. Mas se firmou rapidamente como referência no mercado. Em vendas, o Toyota perde para o Jeep Compass, que é o líder no segmento. Mas, falando em clientes satisfeitos, o Corolla Cross se sobressai, como atesta sua trajetória nesta pesquisa.   

retrospectiva Eleitos 2023
(Reprodução/Quatro Rodas)

 

RANKING GERAL
Todos os veículos avaliados em ordem de pontuação

Toyota Corolla Cross 100,5
Toyota Corolla 99,5
Citroën C4 Cactus 98,3
Nissan Versa 98,3
VW Nivus 98,3
VW T-Cross 98,2
Chevrolet Onix 98,1
Chevrolet Onix Plus 98,1
Honda HR-V 98,0
VW Virtus 98,0
Nissan Kicks 97,8
Fiat Pulse 97,8
Jeep Renegade 97,7
Hyundai HB20 97,7
Jeep Commander 97,5
VW Taos 97,2
VW Polo 97,2
Caoa Chery Tiggo 7 97,2
Hyundai Creta 97,1
Ford Ranger 96,8
Caoa Chery Tiggo 5 96,5
Jeep Compass 96,4
Fiat Fastback 96,4
Fiat Toro 96,1
Citroën C3 95,8
Nissan Frontier 95,3
Chevrolet Tracker 95,1

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.