Clique e assine por apenas 8,90/mês

Zero Motorcycles capta novos recursos

A pioneira na produção de motos elétricas potentes quer crescer

Por Marcelo Brettas - Atualizado em 9 nov 2016, 11h51 - Publicado em 22 mar 2011, 12h14
Zero Motorcycles

Há poucos anos, em um pequeno galpão de Santa Cruz, na Califórnia, o projetista de bicicletas Charlie Sheen desenvolveu a primeira moto impulsionada por motor elétrico da Zero Motorcycles, pioneira na produção e comercialização em larga escala de motos capazes de atingir velocidades aceitáveis e com autonomia que possibilite o seu uso no dia a dia.

Agora, a empresa acaba de anunciar uma nova injeção de 17 milhões dólares de um total de 26 milhões dólares captados nesse ano, sendo que a maior parte desse valor é proveniente da Invus, grupo de investimentos que segue como a espinha dorsal financeira da Zero Motocicletas.

O aporte será utilizado para ampliar a capacidade de produção da empresa, que pretende consolidar a marca Zero não apenas nos Estados Unidos, mas também nos principais mercados mundiais. No Brasil, eles já ensaiaram uma primeira entrada em 2010 e seguem desenhando um modelo de operação.

Publicidade