Clique e assine por apenas 8,90/mês

XC90 T8 Polestar: o Volvo mais potente da história

SUV híbrido preparado pela Polestar acelera de 0 a 100 km/h em apenas 5,5 segundos e anda até 43 km em modo elétrico

Por Diego Dias - Atualizado em 23 nov 2016, 21h12 - Publicado em 14 jun 2016, 14h35
Volvo XC90 T8 Polestar
Volvo XC90 T8 Polestar

A Volvo anunciou o novo Volvo XC90 T8 preparado pela Polestar, divisão responsável tanto pelos carros de competição da marca quanto as versões esportivas dos modelos de linha – nos moldes da Motorsport da BMW e a AMG da Mercedes. O SUV de mais de duas toneladas agora é capaz de acelerar como um esportivo peso leve, partindo da imobilidade até os 100 km/h em apenas 5,5 segundos.

LEIA MAIS:

>> Teste: O show da virada do Volvo XC90

>> Volvo V40 T3 Kinectic: Um negócio da… Suécia?

Continua após a publicidade

>> Guia de usados: Volvo C30

>> Volvo revela como serão seus novos compactos

O XC90 em sua versão top de linha T8 (acima da T6 vendida no Brasil) é equipado com uma configuração híbrida. Um moderno 2.0 de quatro cilindros, com injeção direta, turbo e supercharger, trabalha acoplado a um motor elétrico auxiliar. Na versão base, esse conjunto batizado de T8 Twin Engine desenvolve 406 cv (88 cv são do propulsor elétrico). Com a preparação da Polestar, a cavalaria sobe para 426 e o torque vai de 65,2 para 69,3 mkgf, sempre com tração integral.

Volvo XC90 T8 Polestar
Emblema azul da Polestar está presente na tampa traseira

Além do motor, a Polestar promoveu alterações também nas respostas do acelerador e na transmissão automática de oito velocidades, que retém a marcha quando o veículo está contornando uma curva com elevada força G lateral. Isso evita que o câmbio troque de marcha, o que poderia causar a desestabilização do SUV. Mesmo com as mudanças promovidas para deixá-lo mais potente, o XC90 T8 manteve seus baixos números de consumo no ciclo europeu, bem como ter autonomia de até 43 km apenas com o uso do motor elétrico.

Continua após a publicidade

O novo XC90 T8 Polestar já está disponível para o mercado europeu. Espera-se que no futuro os próximos modelos que irão receber esse motor sejam o sedã S90 e a perua V90.

Publicidade