Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Volvo limitará a velocidade máxima de todos os seus carros a 180 km/h

Decisão da marca traz a meta de diminuir o número de mortes no trânsito por excesso de velocidade até 2020

Por Ana Paula Cerveira Atualizado em 6 mar 2019, 19h12 - Publicado em 6 mar 2019, 18h09
Volvo também investirá em tecnologias que avaliem o comportamento do motorista Divulgação/Volvo

Em comunicado divulgado nesta semana, a Volvo anunciou que limitará a velocidade de todos os seus carros novos a 180 km/h.

Com esta medida, a fabricante quer colocar os objetivos de segurança da marca em prática e, principalmente, zerar o número de mortes ou ferimentos graves em acidentes com modelos da marca até 2020.

Hoje o Volvo XC90 chega aos 230 km/h Divulgação/Volvo

Pela nossa pesquisa, nós sabemos o motivo dos problemas acontecerem quando falamos de ferimentos e fatalidades em nossos carros. E, mesmo que uma limitação de velocidade não seja ainda a total solução, vale a pena colocarmos em prática se pudermos salvar, pelo menos, uma vida“, diz o presidente-executivo da Volvo, Hakan Samuelsson. 

Continua após a publicidade

Além da limitação de velocidade, a empresa também planeja implantar tecnologias que avaliem o comportamento do motorista. Para isso, planejam desenvolver câmeras que monitorem o estado de atenção do motorista para evitar que as pessoas dirijam enquanto estão distraídas ou alcoolizadas.

No painel, o monitor tipo tablet permite personalização dos sistema do SUV
Marca também buscará sistemas inteligentes para diminuir ainda mais a velocidade em hospitais e escolas Divulgação/Volvo

E, no trânsito, não é só o motorista que pode se acidentar. As pessoas que estão ao redor de um carro em alta velocidade também entram nas estatísticas. Por isso, a marca buscará conversar com outros fabricantes e com agentes reguladores para que os limites de velocidade sejam ainda menores em áreas com grandes quantidades de pedestres, como próximo a hospitais e escolas.

No entanto, a Volvo sabe que será praticamente impossível agradar a todos, já que alguns de seus maiores mercados estão no ocidente – onde as multas por excesso de velocidade são mais frequentes.

Jan Ivarsson, um dos Diretores de Segurança da marca, afirma que, em relação aos limites de velocidade, sabemos pouco: “Precisamos promover um melhor comportamento e ajudar as pessoas a perceberem como o excesso de velocidade pode ser perigoso.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês