Volvo inicia vendas do XC40 híbrido, que pode ser abastecido na tomada

Modelo chega este mês, mas os interessados já podem reservar o SUV com preço promocional de lançamento

A potência combinada dos motores, elétrico e à combustão, chega a 262 cv

A potência combinada dos motores, elétrico e à combustão, chega a 262 cv (Divulgação/Volvo)

A Volvo lança este mês uma nova versão híbrida do XC40. O SUV compacto ganha o conjunto T5 Twin Engine FWD com dois motores: um elétrico e outro a combustão, e vem com o pacote de acabamento R-Design.

O carro chega às lojas no dia 20 de fevereiro e já tem preço: R$ 229.950. Ele ficou apenas R$ 2.000 acima da versão T5 R-Design convencional, com motor a explosão, vendida a R$ 227.950.

Mas esse preço é promocional, segundo a Volvo, e só vale para quem comprar o carro na fase de lançamento que deve durar “cerca de um mês e meio, aproximadamente”.

Na fase de lançamento, o SUV vai custar R$ 229.950

Na fase de lançamento, o SUV vai custar R$ 229.950 (Divulgação/Volvo)

A empresa não anunciou qual será o preço do carro passada a fase de lançamento. Apenas informou que o SUV ficará mais caro.

O lançamento do XC40 híbrido faz parte do plano da Volvo de ampliar a oferta de versões híbridas em toda linha.

O XC40 T-5 R-Design é um híbrido do tipo plug-in ou seja: pode recarregar as baterias plugado em uma tomada da rede elétrica e não somente pelo motor a combustão ou pelo sistema de freios regenerativos.

Segundo a Volvo, o XC40 híbrido acelera de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos

Segundo a Volvo, o XC40 híbrido acelera de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos (Divulgação/Volvo)

Seus dois motores combinados geram 262 cv de potência e 43,4 kgfm de torque. O câmbio é automatizado com dupla embreagem e tem sete marchas e a atração é 4×2, dianteira.

Segundo a Volvo, com esse conjunto, o XC40 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos. E pode rodar cerca de 47 quilômetros usando somente a energia das baterias, condição ideal para o uso urbano.

O T5 híbrido tem cinco modos de operação: Hybrid (prioriza a eficiência), Pure (usa somente o elétrico), Power (prioriza desempenho), Off-Road (para uso fora-de-estrada) e Individual (com ajustes escolhidos pelo motorista para as repostas dos diferentes sistemas como motor, transmissão e ar-condicionado).

Entre as lista de equipamentos de série, o destaque vai para os sistemas de assistência ao motorista como detector de pontos cegos, alerta de colisão traseira, piloto automático, frenagem de emergência, alerta de mudança de faixa e assistente de partidas em rampas.

Há também o Pilot Assist que é um recurso de condução autônoma. Esse sistema ajuda a manter a distância do veículo que segue à frente e corrige a direção para conservar o carro na faixa.

Além desses equipamentos, o T5 R-Design Plug-in Hybrid traz comandos de trocas de marchas no volante, bancos revestidos em couro e nobuck, sistema de som Harman Kardon Premium Sound, rodas de liga leve aro 20, ar-condicionado dual zone, abertura e fechamento do porta-malas com sensor (Hands-Free), faróis full-led e teto solar elétrico, entre outros itens.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s