Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Toyota suspende produção de suas quatro fábricas no Brasil

Instantes após decisão da Renault, japonesa suspende suas quatro fábricas no Brasil. Quase todas as montadoras já funcionam em regime reduzido ou suspenso

Por Eduardo Passos Atualizado em 25 mar 2021, 18h45 - Publicado em 25 mar 2021, 18h29
Linha da Toyota em Sorocaba foi adaptada recentemente para produzir o novo Corolla Cross
Linha da Toyota em Sorocaba foi adaptada recentemente para produzir o novo Corolla Cross Divulgação/Toyota

A partir de segunda-feira (29) a Toyota suspenderá as atividades em suas fábricas no Brasil. A medida impacta as unidades de São Bernardo do Campo, Indaiatuba, Sorocaba e Porto Feliz (todas em São Paulo) e valerá, a princípio, por até dez dias corridos.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 7,90

Tal como a Renault, que anunciou medida semelhante minutos antes, a Toyota agiu em acordo com os sindicatos locais, justificando a decisão como um esforço para reduzir “circulação de pessoas no momento mais crítico da pandemia no País, além de atender a antecipação de feriados por parte de autoridades em algumas dessas regiões”.

A decisão da fabricante aproveita a antecipação de feriados em algumas das cidades afetadas, como São Bernardo do Campo. O município do ABC, por exemplo, adiantou quatro dias de folga a fim de formar um “feriadão” junto à Páscoa e Sexta-Feira da Paixão.

  • A fábrica da Grande São Paulo voltará às atividades no dia 5 de abril, assim como as fábricas de Sorocaba e Porto Feliz. Em Indaiatuba, o retorno acontece no dia 6. Os colaboradores administrativos também respeitarão a antecipação dos feriados.

    Toyota Corolla XRE e XRX 2022
    Corolla Cross mal chegou e já terá sua produção interrompida Fernando Pires/Quatro Rodas

    “A Toyota do Brasil possui um total de 5.600 colaboradores em todo o País e continuará a agir avaliando a situação momento a momento, seguindo as orientações das autoridades locais e, principalmente, colocando a saúde e o bem-estar de seus colaboradores e de seus familiares em primeiro lugar”, afirmou a empresa.

    Na lateral, o destaque são as rodas co pintura na cor preta
    Produzida na Argentina, picape Hilux não deverá ser afetada pela paralisação mas pode sofrer com fechamento de concessionárias e restrições logísticas Divulgação/Toyota

    Seja pela pandemia ou falta de matéria-prima, a situação na cadeia produtiva nacional é crítica. No momento, quase todos os fabricantes funcionam em regime de produção reduzida ou interrompida. Só nesta semana, Nissan e Renault se juntaram à fabricante do Corolla e decidiram suspender suas atividades fabris.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    capa 743
    Arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade