Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Toyota revela nova geração de ícone do filme Velozes e Furiosos

Novo Supra manteve motor seis-cilindros turbo e tração traseira, mas plataforma e conjunto mecânico agora é da BMW

Por Rodrigo Ribeiro
7 mar 2018, 10h53
Novo Supra foi apresentado pela primeira vez em uma versão de competição (Divulgação/Toyota)

Dominic Toretto pode comemorar: o Toyota Supra voltou. O icônico carro que foi protagonista do primeiro Velozes e Furiosos teve sua quinta geração revelada no salão de Genebra em uma versão de corrida, repetindo a tática usada pela BMW com o novo Série 8.

A marca revelou poucos detalhes do conjunto mecânico do novo Supra, mas confirmou à imprensa presente no lançamento que o esportivo manterá a configuração de motor seis cilindros em linha turbo com tração traseira. O câmbio manual, porém, foi suprimido em nome de uma caixa automatizada de dupla embreagem.

As lanternas que afinam em direção ao centro da traseira também devem aparecer no novo GT 86 (Divulgação/Toyota)

A equipe de desenvolvimento, no entanto, revelou que o novo Supra tem uma divisão perfeita de peso entre os eixos (50/50) e um centro de gravidade baixo. Essas características abrem caminho para que o esportivo tenha uma dinâmica equilibrada, como já ocorre com o compacto GT 86.

Continua após a publicidade
O interior de competição não dá nenhuma pista de como será a cabine do próximo Supra (Divulgação/Toyota)

A principal diferença do novo Supra em relação ao modelo targa laranja que protagonizou Velozes e Furiosos está na origem de seu conjunto mecânico. Agora, o trem de força do novo Toyota foi desenvolvido em parceria com a BMW.

O novo Supra foi um dos destaques da Toyota no salão de Genebra de 2018 (Newspress/Divulgação)

Essa aliança fará com que o novo Supra tenha um irmão alemão: a próxima geração do BMW Z4. A dupla compartilhará plataforma, motores e câmbios, mas com identidades próprias. Segundo a imprensa europeia, o BMW será vendido exclusivamente na versão conversível, enquanto o Supra terá apenas carroceria com teto rígido.

Continua após a publicidade
Não é a primeira vez que a Toyota desenvolve um esportivo com outra marca; O próprio GT 86 foi feito em aliança com a Subaru (Divulgação/Toyota)

Apesar disso, o novo Supra terá, infelizmente, mais um ponto em comum com seu antecessor: ele não deve ser vendido no Brasil. O foco da Toyota para o país é com modelos híbridos, e mesmo o GT 86, que seria mais barato, foi descartado por aqui.

Também não se sabe se a nova geração do Supra será capaz de cumprir o quarto-de-milha em menos de dez segundos

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.