Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Renault Sandero S Editon usa para-choque do R.S. e motor 1.0 por R$ 76.790

Agora sem as versões 1.6 e a esportiva 2.0, o modelo tenta ficar mais atraente para não cair no esquecimento

Por Guilherme Fontana Atualizado em 8 nov 2021, 16h25 - Publicado em 5 nov 2021, 12h09

Perto de se despedir do mercado, o Sandero R.S. deixará uma herança às versões convencionais do modelo. Conforme antecipado por QUATRO RODAS, o hatch ganha a série S Edition, que custa R$ 76.790 e, segundo a Renault, tem desenho inspirado no esportivo. Porém, a inspiração para por aí, já que ele é equipado unicamente com o  motor 1.0 12V com modestos 82 cv.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 6,90

Na prática, o Sandero S Edition herda apenas o para-choque do Sandero R.S, com aberturas maiores, grade em colmeia e luzes diurnas de LED. A diferença fica para o relevo imediatamente acima da abertura da peça. Enquanto a versão esportiva tinha o relevo pintado de preto, para dar mais esportividade, na série especial essa parte é na cor da carroceria.

Renault Sandero S Editon
Renault Sandero S Editon Divulgação/Renault

Também como no R.S, os faróis da novidade são os do Sandero mais antigo, sem o novo arranjo interno e sem a iluminação diurna por LEDs. No esportivo, a marca justificava o uso do conjunto ultrapassado pela presença dos LEDs no para-choque, que conflitariam com a iluminação dos faróis principais.

O modelo também passa a ter os retrovisores pintados de preto brilhante e, na traseira, as lanternas são escurecidas como no irmão que deixou de ser produzido. As cores disponíveis para carroceria são branco Glacier, prata Étoile, preto Nacré, cinza Cassiopée e vermelho Vivo.

Continua após a publicidade

Renault Sandero S Editon
Renault Sandero S Editon Divulgação/Renault

Diferentemente da versão GT Line, que também dizia ter inspiração no R.S., o para-choque traseiro é o mesmo das demais versões convencionais, sem o aplique central que evoca mais esportividade, e não há aerofólio. Outra baixa vem nas rodas de 15 polegadas, de aço, coberta por calotas.

Por dentro, a única aspiração esportiva está no revestimento preto em teto e colunas, nada mais. Entre os equipamentos de série, o S Edition oferece ar-condicionado, direção elétrica, vidros dianteiros elétricos, sensores de estacionamento traseiros, quatro airbags e central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay.

Renault Sandero S Editon
Renault Sandero S Editon Divulgação/Renault

Já o conjunto mecânico em nada evoca emoção. A configuração única combina o motor 1.0 flex de até 82 cv de potência e 10,5 kgfm de torque, e câmbio manual de cinco marchas.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

A edição 750 de QUATRO RODAS já está nas bancas!

Continua após a publicidade

Publicidade