Clique e assine por apenas 5,90/mês

Presidente fala de planos para o futuro da Bugatti

Wolfgang Dürheimer afirmou que, após vendas dos últimos Veyron, o Chiron já entra na linha de produção

Por Redação - Atualizado em 9 nov 2016, 14h14 - Publicado em 29 dez 2014, 10h26
fabricantes

O presidente da Bugatti, Wolfgang Dürheimer forneceu alguns detalhes sobre o futuro da marca de superesportivos.

Em entrevista à revista CAR, o executivo afirmou que a marca ainda não vendeu as 450 unidades do Veyron, planejadas para chegarem ao mercado desde 2005. Ele afirmou que oito carros ainda estão disponíveis e que provavelmente a Bugatti fará uma edição especial em cima deles para finalizar as vendas.

Além disso, Dürheimer afirmou que, após o término da produção do Veyron, que deverá ocorrer em 2015, a fábrica não irá sofrer paralização, pois o sucessor do Veyron, chamado Chiron, já começa a ser produzido.

“Há um louco americano que quer nos vencer. Vamos ter que fazer nosso dever de casa e nos prepararmos para o futuro”, afirmou, se referindo ao novo Hennessey Venom F5, que deve entregar mais de 1400 cv de potência, com velocidade máxima de cerca de 466,7 km/h.

Continua após a publicidade
Publicidade