Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

O melhor janeiro de todos

Número de motos emplacadas em janeiro foi o maior da história

Por Eduardo Viotti Atualizado em 9 nov 2016, 11h55 - Publicado em 3 fev 2012, 09h26
Janeiro

Segundo os números da Fenabrave, entidade que congrega as revendedoras de veículos, o mês de janeiro passado foi o melhor da história para a indústria motociclística brasileira. Foram emplacadas em todo o Brasil 142 222 motocicletas, o que representa um crescimento de 6,91% em relação a janeiro do ano passado – isso embora as vendas tenham caído 26,5% em relação ao mês imediatamente anterior, dezembro de 2011, tradicionalmente um mês de vendas aquecidas pelo 13º salário.

Em termos regionais impressiona a crescente motorização em duas rodas da região Nordeste, que representou a maioria das matrículas, 36,61%, das motos licenciadas no mês passado, superando mesmo a industrializada região sudeste, que respondeu por 32,12% dos emplacamentos. Seguem-se o Norte, com 11,35%, o Sul, com 11,13% e o Centro-Oeste, com 8,79%.

A Honda segue abiscoitando a maior parte do mercado, com 112 620 motos vendidas, 79,19% das motos licenciadas em janeiro. Com longínquos 11,17% segue a Yamaha em segundo, com 15 884 licenciamentos em janeiro.

As demais marcas apenas arranham a casquinha desse apetitoso bolo, senão vejamos: a Suzuki incluiu 2993 motos na lista, com 2,1% do mercado, em terceiro lugar. A sequência é: Dafra em 4ª com 2727 emplacamentos e 1,92% de participação; 5º: Kasinski, 2230 motos e 1,57%; 6º: Shineray, 1301 motos e 0,91%; 7º: Kawasaki, 805 motos e 0,57% e 8ª: Harley-Davidson, com 564 motos e 0,4%.

Não se esqueça de que Kawasaki e Harley-Davidson não comercializam motos de pequena cilindrada no Brasil.

Continua após a publicidade

Publicidade