Clique e assine por apenas 5,90/mês

Nova Fiat Strada: 50 fotos exclusivas mostram a versão que mais vai vender

Imagens do fotógrafo Fernando Pires mostram detalhes da segunda geração na versão Endurance cabine simples, estimada em R$ 65.000

Por Renan Bandeira - 9 abr 2020, 07h00

Após 21 anos de produção, a Fiat Strada ganha sua segunda geração. Totalmente distinta da antecessora, o novo modelo apresenta inédita cabine dupla para o seguimento e estreia nova central multimídia da fabricante.

Ainda não se sabe os valores que serão cobrados pelas versões do modelo. No entanto, é esperado que a configuração Endurance (de entrada) custe R$ 65.000 na versão de cabine simples e R$ 72.000 como cabine dupla.

A intermediária, Freedom, deve ter a variante duas portas por R$ 73.000 e a quatro portas por R$ 80.000. Já a Volcano, topo de linha, poderá ser escolhida apenas como cabine dupla e deve custar R$ 85.000.

A picape compacta da Fiat tem sido há tempos o modelo mais vendido do segmento. Segundo dados da Fenabrave, durante o ano passado foram emplacadas 76.223 unidades da camionete, contra 42.270 vendas da sua principal concorrente, Volkswagen Saveiro.

Continua após a publicidade

A Fiat não divulgou as projeções de vendas das versões da segunda geração, devido ao adiamento do lançamento oficial.

No entanto, a empresa informou que a configuração cabine simples é responsável por cerca de 90% das vendas do modelo atual. QUATRO RODAS entende que as versões de cabine simples seguirão como as mais vendidas na nova geração.

A versão que ilustra as imagens desta reportagem possui o velho motor 1.4 quatro-cilindros flex de 88/85 cv e 12,5/12,4 kgfm de torque, com câmbio de cinco marchas.

Os equipamentos de série da picape chamam atenção. Entre eles, destacam-se: controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa e luzes de condução diurna – todos de série em todas as versões.

QUATRO RODAS selecionou 49 fotos para mostrar todos os detalhes do novo modelo de entrada da Fiat Strada. Veja:

Nova frente do modelo lembra o Fiat Mobi, veículo usado como base para a formação da segunda geração da Strada Fernando Pires/Quatro Rodas
Os faróis desta versão são convencionalmente halógenos, porém já contam com luzes diurnas de série Fernando Pires/Quatro Rodas
A grade dianteira, assim como a do Mobi, usa plástico preto, mas tem desenho exclusivo. Além disso, traz o novo emblema da marca Fernando Pires/Quatro Rodas
No canto inferior direito da grade, a marca não deixou de registrar suas origens. Os quatro riscos transversais são do antigo emblema que a empresa utilizava – e que equipou os primeiros Uno, Palio, Tipo, etc. Para completar, ele é pintado nas cores da bandeira da Itália, país de origem da Fiat Fernando Pires/Quatro Rodas
Nesta versão, a capa dos retrovisores, maçanetas e pára-choques do veículo são de plástico preto fosco Fernando Pires/Quatro Rodas
Dimensões: comprimento, 447,4 cm; largura, 173,2 cm; altura, 160,8 cm; entre-eixos, 273,7 cm; altura livre do solo, 23,2 cm; tanque de combustível, 55 l Fernando Pires/Quatro Rodas
A configuração mais básica da Strada conta com rodas de 15 polegadas e calotas Fernando Pires/Quatro Rodas
Alinhada ao grande número de detalhes em preto da carroceria, as calotas vêm com emblema da Fiat nessa cor. Rodas possuem quatro parafusos de fixação Fernando Pires/Quatro Rodas
Embora não sejam funcionais, as entradas de ar laterais dão um toque diferente à lateral do modelo. Ficam localizadas antes do início da porta e ajudam a alinhar os vincos de para-lamas e portas laterais dianteiras, visto que estas são herdadas do Mobi Fernando Pires/Quatro Rodas
As faixas laterais da picape entregam qual versão estamos vendo. O detalhe lembra outros modelos da Fiat, como Uno 1.5R e 1.6R, Palio 1.8R, Uno Sporting etc Fernando Pires/Quatro Rodas
A traseira parece uma releitura da irmã maior Fiat Toro Fernando Pires/Quatro Rodas
Nesta versão, a Strada não conta com capota marítima de série. No entanto, sua caçamba já é toda revestida Fernando Pires/Quatro Rodas
Dimensões da caçamba na configuração cabine simples: superfície 2,06 m2, comprimento 171,7 cm, largura máxima 136,3 cm, vão entre rodas 105,9 cm, altura 60,6 cm. Volume: 1.354 litros Fernando Pires/Quatro Rodas
Embora sua traseira seja parecida com a da Toro, a tampa traseira da caçamba tem abertura simples e não bipartida como na irmã maior Fernando Pires/Quatro Rodas
A capacidade máxima de carga nesta configuração é de 720 kg. Tampa tem sistema de alívio de peso Fernando Pires/Quatro Rodas
Porta-escada permite o apoio de objetos longos sobre a cabine Fernando Pires/Quatro Rodas
Modelo possui santantônio com mesmo formato encontrado na versão Endurance da Toro Fernando Pires/Quatro Rodas
Assinatura do nome do modelo é diferente em relação à Strada antiga. Fonte é mais arredondada, saltada e prateada Fernando Pires/Quatro Rodas
Lanterna tem o mesmo desenho da que equipa a Toro, saindo da traseira e invadindo a lateral do veículo Fernando Pires/Quatro Rodas
Com a adição do Pacote Tech, por R$ 3.500, o veículo ganhará câmera de ré, sensor de estacionamento, multimídia com tela de 7 polegadas, display digital de 3,5 polegadas no painel de instrumentos, duas portas USB Fernando Pires/Quatro Rodas
Painel é simples e exagera no plástico rígido preto. A central multimídia da imagem é um opcional do Pacote Tech, de R$ 3.500 Fernando Pires/Quatro Rodas
Assim como nas calotas, o emblema do volante é preto. Herdada do Mobi, peça é multifuncional e conta com detalhes em preto brilhante. Faz parte do Pacote Audio de R$ 2.500 Fernando Pires/Quatro Rodas
O display digital de 3,5 polegadas no painel de instrumentos também faz parte do Pacote Tech, de R$ 3.500, e é outra herança de Mobi e Uno Fernando Pires/Quatro Rodas
No lado direito do volante estão os comandos referentes ao comando de voz e a músicas Fernando Pires/Quatro Rodas
Já no lado esquerdo pode ser encontrado os botões para chamada e troca de telas do computador de bordo Fernando Pires/Quatro Rodas
Detalhes mostra que acabamento que envolve o volante é texturizado Fernando Pires/Quatro Rodas
Os comandos de farol seguem na chave esquerda atrás do volante Fernando Pires/Quatro Rodas
Na direita também foi mantida a chave de acionamento e velocidade dos limpadores de pára-brisa Fernando Pires/Quatro Rodas
A central multimídia é nova e pode ser encontrada no Pacote Tech, por R$ 3.500. Ela é compatível com Android Auto e Apple CarPlay e sua conexão é feita sem fio – primeira no Brasil a oferecer esse atributo, segundo a marca Fernando Pires/Quatro Rodas
Para obter a porta USB frontal na Strada Endurance cabine simples é preciso adquirir o Pack Audio Fernando Pires/Quatro Rodas
Botões físicos estão localizados na parte superior do painel, acima do alojamento da central de entretenimento Fernando Pires/Quatro Rodas
Acabamento do painel tem textura criativa, como já é padrão nos Fiat, e vem sempre na cor preta Fernando Pires/Quatro Rodas
Ar-condicionado vem de série, mas é sempre manual Fernando Pires/Quatro Rodas
Com o Pack Worker, o veículo ganha: alarme, travas e vidros elétricos, brake light e banco do motorista com ajuste de altura, por R$ 2.500. Bancos são finos e revestidos de tecido, mas possuem encostos de cabeça independentes Fernando Pires/Quatro Rodas
O câmbio manual de cinco marchas é manjado de outros modelos da Fiat. Aqui, manopla tem detalhes em preto brilhante Fernando Pires/Quatro Rodas
Console central conta com porta-objetos à frente do câmbio, entrada USB, freio de estacionamento convencional e um porta-copos Fernando Pires/Quatro Rodas
Segunda entrada USB também faz parte do Pack Teck, de R$ 3.500 Fernando Pires/Quatro Rodas
Vidros elétricos também são opcionais e podem ser adicionados por R$ 2.500. Fernando Pires/Quatro Rodas
Modelo possui tapetes internos de borracha Fernando Pires/Quatro Rodas
Emblema antigo da Fiat com as cores da Itália, presentes na grade frontal, também aparecem internamente como etiqueta nos bancos Fernando Pires/Quatro Rodas
Banco do motorista pode ter ajuste de altura se for adquirido o Pack Worker de R$ 2.500. Observe que tanto o cinto de segurança do motorista quanto do passageiro possuem regulagem de altura do terceiro ponto Fernando Pires/Quatro Rodas
Acabamento dos bancos é em tecido com costuras simples Fernando Pires/Quatro Rodas
Bancos possuem regulagem de produndidade para acomodar motoristas e passageiros Fernando Pires/Quatro Rodas
Vidro traseiro não possui desembaçador Fernando Pires/Quatro Rodas
Bancos tombam para frente. Assento do passageiro tem bolsão traseiro Fernando Pires/Quatro Rodas
A caixa de ferramentas do carro fica alocada embaixo do banco do passageiro Fernando Pires/Quatro Rodas
Macaco tem compartimento ajustado para não ficar solto Fernando Pires/Quatro Rodas
Veículo possui luz para leitura e quebra-sol para motorista e passageiro Fernando Pires/Quatro Rodas
Motor: flex, dianteiro, transversal, quatro cilindros, 1.368 cm³, 8V, 72 x 84 mm, 88/85 cv a 5.750 rpm, 12,5/12,4 kgfm a 3.500 rpm Fernando Pires/Quatro Rodas

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da edição de abril da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Fernando Pires/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade