Clique e assine por apenas 8,90/mês

Nissan convoca 1.152 Altima para recall no Brasil

Unidades fabricadas entre 2013 e 2014 podem apresentar falhas na trava secundária do capô, que pode se abrir com o carro em movimento

Por Guilherme Fontana - Atualizado em 23 nov 2016, 20h34 - Publicado em 12 fev 2016, 14h30
nissan-altima
Nissan Altima

A Nissan anunciou um recall envolvendo 1.152 unidades do Altima 2013 e 2014 no Brasil. A possível falha no sistema de travamento do capô já atingiu cerca de 220 mil exemplares do sedã nos Estados Unidos, em 2014, quando a marca descartou os reparos para o modelo vendido no mercado brasileiro. Na época, a Nissan alegou que as unidades importadas para o Brasil e as vendidas nos EUA pertenciam a lotes diferentes.

Segundo comunicado da fabricante, as unidades envolvidas podem apresentar falhas na trava secundária do capô, que pode se abrir com o veículo em movimento. Com isso, há riscos de acidentes com danos físicos e materiais aos ocupantes e a terceiros. A possibilidade, porém, só existe caso a trava primária tenha sido inadvertidamente aberta ou o capô não tenha sido fechado corretamente. A Nissan aponta que não há registros de incidentes relacionados no Brasil.

Para os reparos, que começam na próxima segunda-feira (15) e consistem na troca gratuita dos componentes, a Nissan comunicará individualmente cada proprietário das unidades envolvidas, que deverão efetuar o agendamento em uma concessionária autorizada. Maiores informações podem ser obtidas pelo site da marca www.nissan.com.br e pelo telefone 0800 011 1090. Abaixo, a data de fabricação e os chassis dos modelos envolvidos:

Recall – Nissan Altima
Fabricação Entre junho de 2013 e janeiro de 2014
Chassis (não sequenciais) Entre 1N4CL3AP9EC100000 e 1N4CL3AP6EC269231
Publicidade