Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Muita chuva no mundial de MX no Brasil

Christophe Pourcel (MX1) e Tommy Searle (MX2) venceram a etapa

Por Marcelo Brettas Atualizado em 9 nov 2016, 11h57 - Publicado em 21 Maio 2012, 16h58
Christophe Pourcel

Pilotos de mais de 20 países estiveram nesse final de semana no parque de diversões Beto Carrero World, em Penha (SC), para disputar a quinta etapa do Campeonato Mundial de Motocross que, apesar das fortes chuvas de domingo, contou com mais de 20 mil espectadores.

Quem se deu melhor na pista pesada foi o francês Christophe Pourcel, na MX1, e o britânico Tommy Searle, na MX2, que ficaram com a vitória em suas respectivas categorias. Entre os brasileiros, Jorge Balbi Júnior, na MX1, e Marçal Muller, na MX2, foram os melhores e, após a soma de pontos das duas baterias de cada categoria, conquistaram a 19ª e 18ª posição, respectivamente.

Na MX1, o campeão mundial Antonio Cairoli (Red Bull KTM Factory Racing) não teve um bom desempenho e não foi além do oitavo posto na geral. Ainda assim, o italiano manteve a liderança da categoria, agora com 203 pontos.


Já na MX2, Tommy Searle mostrou que é bom de lama e venceu as duas baterias. Já o líder da categoria, Jeffrey Herlings (Red Bull KTM Factory Racing), da Holanda, terminou a primeira bateria apenas na 12º colocação, mas conseguiu se recuperar na bateria seguinte e fechar o dia com um terceiro lugar. Agora o Campeonato Mundial de Motocross segue para França, para Saint Jean d’Angely, onde nos dias 2 e 3 de junho será disputada a sexta etapa.



Continua após a publicidade

Publicidade