Mercedes-Benz Classe E All Terrain: luxo e desempenho fora do asfalto

Perua da Mercedes com mecânica e visual aventureiros e será apresentada no Salão de Paris

Mercedes- Benz Classe E All Terrain Mercedes- Benz Classe E All Terrain

Mercedes- Benz Classe E All Terrain  (/)

Como se não bastasse a recém-apresentada Volvo V90 CrossCountry, a Audi A6 Allroad ganhou uma nova concorrente de peso: a Mercedes-Benz Classe E All Terrain, versão mais valente da luxuosa perua Classe E Estate, apresentada em junho. Com isso, a marca da estrela de três pontas ingressa no mundo das station wagons todo terreno, com tração integral e maior altura em relação ao solo.

LEIA MAIS:

>> Teste: Mercedes-Benz GLC 250 e GLE 400 Coupé, os novos SUVs estrelados

>> Teste de Pista: Mercedes-Benz GLS, a estrela maior

>> Volvo V90 Cross Country: uma aventureira sueca

Mercedes- Benz Classe E All Terrain Para-choques e caixas de roda seguem o estilo aventureiro, mas com requinte

Para-choques e caixas de roda seguem o estilo aventureiro, mas com requinte  (/)

Em relação à sua versão convencional, a Classe E All Terrain traz como diferencial nova grade, para-choques com apliques plásticos e acabamento prata na porção inferior, molduras plásticas nos arcos dos para-lamas, rodas de 19 polegadas com desenho exclusivo e pneus de perfil mais alto.

Com suspensão a ar ajustável, 29 milímetros mais alta do que a Estate original na configuração standard, a station aventureira tem altura de rodagem entre 121 e 156 mm, favorecendo a condução em trajetos fora de estrada.

Mercedes- Benz Classe E All Terrain Suspensão pneumática tem altura ajustável

Suspensão pneumática tem altura ajustável  (/)

A suspensão a ar pode ser ajustada manualmente, com a opção de ter a altura de rodagem máxima ativada automaticamente no modo de condução “All Terrain” (derivado do GLE), que adapta também os controles de tração e estabilidade para ambiente off-road.

Mercedes- Benz Classe E All Terrain Painel de instrumentos é o mesmo do Série E, com duas enormes telas configuráveis

Painel de instrumentos é o mesmo do Série E, com duas enormes telas configuráveis  (/)

Na cabine, há pedais em aço inox, tapetes com emblemas relativos à versão e acabamento em alumínio-carbono. A lista de equipamentos é igual à do modelo Avantgarde. Quando acionado o modo de condução “All Terrain”, são exibidas informações sobre o ângulo de inclinação e altura da suspensão do carro, além de uma bússola na central multimídia.

Mercedes- Benz Classe E All Terrain Central multimídia exibe informações de inclinação do veículo e bússola

Central multimídia exibe informações de inclinação do veículo e bússola  (/)

De acordo com a Mercedes, por enquanto a perua estará disponível apenas na versão E 220 D 4matic, com motor quatro cilindros 2,0 litros turbodiesel de 197 cv e 40,7 mkgf de torque, disponíveis entre 1.600 e 2.800 rpm. A transmissão é sempre automática de 9 velocidades e tração integral.

A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 8,0 segundos, enquanto a velocidade máxima fica em 232 km/h. Um motor diesel seis cilindros é prometido pela montadora para 2017. O novo Mercedes-Benz Classe E All Terrain fará sua estreia no Salão de Paris, na próxima semana.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s