Holden reafirma sua presença na Austrália

Fabricante tem acordo com governo local até 2022

mercado mercado

mercado (/)

A Holden reafirmou que seguirá a produzir carros na Austrália, em que pese o anúncio de uma concorrente, a Ford, de que deixará de montar veículos no país em 2016. Ainda assim, a subsidiária australiana da General Motors alertou para a difícil situação do mercado local.

“A saída da Ford apenas mostra como é dura a realidade das montadoras na Austrália, mesmo as mais comprometidas com o país, como é o caso da Holden”, disse Mike Devereux, CEO da marca.

O executivo ainda mencionou o acordo firmado entre o governo australiano e a Holden em 2012. Trata-se de um plano de dez anos, que prevê a manutenção da produção no país até 2022, incluindo a introdução de dois lançamentos globais nesse período.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s