GM rejeitou culpa por problemas anteriores a 2009

Montadora pediu a juiz que afastasse esses processos

mercado mercado

mercado (/)

A General Motors, em abril deste ano, pediu ao juiz Robert Gerber, em Manhattan, que barrasse os processos relativos a veículos fabricados antes de 2009. De acordo com a agência Reuters, a montadora tentou afastar tais queixas baseada na legislação do País.

A montadora considera que, após a recuperação financeira pela qual passou naquele ano, foi constituída a “Nova GM”, e que as obrigações relativas a carros fabricados antes disso deveriam ser agrupadas na “Velha GM”. Em contrapartida, os advogados autores de 130 processos relativos a defeitos de carros pré-2009 reivindicam a reabertura de casos de cinco anos atrás

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s