Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Genesis GV60 troca chave convencional por reconhecimento facial

Empresa sul-coreana afirmou que, além de carregador sem fio, o GV60 pode substituir a chave por reconhecimento facial na hora de abrir a porta

Por Pedro Henrique Oliveira 18 set 2021, 09h15
Genesis GV60 amarelo visto 3/4 de frente
O novo Genesis será um dos carros elétricos de produção mais tecnológicos do mercado Genesis/Divulgação

Sim, o novo Genesis GV60 terá reconhecimento facial e biométrico, como smarphones, para que o motorista possa abrir a porta do carro.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Depois de anunciar que o SUV elétrico de visual exótico terá possibilidade de carregamento sem fio para suas baterias, a marca de luxo da Hyundai agora confirma que ele será um dos primeiros a contar com destravamento das portas por reconhecimento facial.

De acordo com a empresa, a tecnologia é melhor do que a utilização de pulseiras ou PIN de desbloqueio. Além disso, a novidade não deve se restringir apenas ao novo GV60 e chegará aos outros modelos do catálogo. 

Genesis GV60 branco visto 3/4 de frente
O modelo deve chegar ao mercado norte-americano em 2022 Genesis/Divulgação

O seu funcionamento é, em tese, simples. Uma pequena câmera será posicionada na porta do motorista e, assim que ele se aproximar do veículo, essa câmera fará o reconhecimento facial do dono, como acontece com os smartphones. Com o rosto reconhecido, o carro será destrancado. 

Continua após a publicidade

Não para por aí. Além disso, ao reconhecer o rosto do dono, o software irá ajustar algumas configurações ao gosto do motorista, como ajuste do banco, altura do volante e até posicionamento dos retrovisores. Essas preferências serão personalizadas pelo próprio cliente. 

Imagem da câmera do Genesis GV60 fazendo o reconhecimento facial.
O Genesis GV60 terá reconhecimento facial para substituir a chave ao abrir o veículo Genesis/Divulgação

E no escuro, será que a câmera funciona? A Genesis já pensou nessa situação. A câmera utiliza um sistema de infravermelho que permite reconhecer o rosto mesmo em ambientes escuros ou com neblina. Como se isso não bastasse, o motorista ainda pode dar partida utilizando sua digital no console central.

  • A Genesis afirma que, no momento, o sistema tem capacidade de armazenar dois rostos com configurações distintas de preferências. Caso o cliente queira, ele pode deletar um perfil e criar outro novo totalmente do zero. 

    Console central do Genesis GV60
    No canto superior esquerdo está o local que irá reconhecer a digital do motorista e iniciar o motor Genesis/Divulgação

    Quanto ao carregamento, o modelo é o primeiro veículo elétrico de produção a contar com um carregador wireless. Ele é capaz de carregar o GV60 em cerca de seis horas, quatro a menos do que um carregador comum.

    O elétrico deve chegar ao mercado norte-americano em 2022, mas ele é esperado primeiro em sua terra natal, na Coreia do Sul. E assim os carros se transformam em smartphones.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

    CAPA quatro rodas setembro edição 749
    A edição 749 de QUATRO RODAS já está nas bancas! arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade