Clique e assine com até 75% de desconto

Geely desiste de adquirir a Fisker

Motivo são as pendências da montadora norte-americana

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 12h19 - Publicado em 18 mar 2013, 14h16
mercado

A chinesa Geely desistiu de prosseguir com a compra da norte-americana Fisker. De acordo com notícia publicada no site Automotive News, o que causou a estagnação do negócio foram as pendências da Fisker com o governo dos Estados Unidos.

Isso acontece em virtude do empréstimo que a Fisker conseguiu em 2009, no valor de US$ 529 milhões. Como contrapartida, o governo norte-americano exigiu que a fabricante restaurasse a capacidade de produção de sua fábrica em Delaware, além de recontratar funcionários demitidos no período de crise.

Segundo uma das fontes citadas na nota, a Geely considerou tais obrigações “complicadas de lidar e muito arriscadas”. Por outro lado, a decisão não teria tido qualquer relação com o desligamento de Henrik Fisker, fundador e CEO da montadora, das atividades da companhia.

Publicidade