Clique e assine com até 75% de desconto

Ford, acredite, baixou os preços de versões do Ka

Reajuste foi apenas para versões intermediárias e topo do hatch compacto

Por Rodrigo Ribeiro Atualizado em 6 set 2017, 13h25 - Publicado em 6 set 2017, 13h14
Ford Ka: mais barato, mas só nas versões mais equipadas Divulgação/Ford

Em tempos de reajuste de preços quase sempre para cima, a redução na tabela do Ford Ka surpreendem – ainda que com ressalvas.

A primeira é que o abatimento dos valores aconteceu apenas nas versões intermediárias SE Plus e SEL do hatch, tanto com motor 1.0 quanto 1.5.

O pacote inicial SE não escapou de aumento, ainda que discreto. Os R$ 44.780 sugeridos pelo Ford mais barato do Brasil estão R$ 490 acima da tabela anterior. O Ka 1.5 SE também ficou R$ 500 mais caro e parte de R$ 49.090.

O Ka foi o primeiro do segmento a oferecer ESC – ainda que só na versão SEL Divulgação/Ford

Agora, às boas notícias: os Ka 1.0 SE Plus e SEL ficaram, respectivamente, R$ 600 e R$ 1.000 mais em conta e custam R$ 46.290 e R$ 50.090. A variação se repete com motor 1.5, tabelado a R$ 50.590 no SE Plus e R$ 54.390 na SEL.

O sistema com tela monocromática continua a ser a única opção de sistema multimídia de fábrica Divulgação

Acredite se quiser, a mudança não tem pegadinha – pelo menos segundo a Ford, que ressalta ter mantido o conteúdo das versões. Isso inclui ar-condicionado e direção eletroassistida em todos os modelos, passando pela central multimídia Sync de primeira geração (com tela monocromática) nas versões PLUS e chegando ao exclusivo – no segmento – ESC com assistente de partida em rampa nos pacotes SEL.

O Ka+, em compensação, ficou mais caro em todas as versões… Leo Sposito/Quatro Rodas

No texto de divulgação das mudanças, a Ford também destaca que o Ka Trail não mudou de preço e segue por R$ 48.180 com motor 1.0 e R$ 52.490 no 1.5. Tática de mágico: atrair a atenção do público para onde você quer que ele olhe.

Onde você não olha, no entanto, os típicos aumentos continuaram: no caso, todas as versões do Ka+, que ficaram mais caras. O sedã ficou até R$ 500 mais caro, variando de R$ 47.790 do SE 1.0 até os R$ 61.490 do Ka+ 1.5 SEL Plus.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade