Este é o novo Opel Corsa, agora com plataforma do Peugeot 208

Nova geração é feita sobre plataforma modular e terá até versão 100% elétrica

Hatch conseguiu seguir uma linha de estilo independente do 208

Hatch conseguiu seguir uma linha de estilo independente do 208 (Divulgação/Opel)

Estragaram a surpresa. A nova geração do Opel Corsa só seria revelada em setembro, por ocasião do Salão de Frankfurt, mas imagens vazadas acabaram por revelar as novas linhas do compacto.

Esta é a primeira geração do compacto desenvolvida sob o comando do Grupo PSA (de Peugeot e Citroën), que comprou a Opel da General Motos no início de 2017.

Compacto ficou mais largo e baixo

Compacto ficou mais largo e baixo (Divulgação/Opel)

Não por acaso, o novo Corsa abandonou a base SCCS (que deu origem à GSV, de Onix e Spin) e agora usa a plataforma modular CMP, do novo Peugeot 208 e do DS3 Crossback. Além de ter ficado 108 kg mais leve, o compacto ainda terá versão eletrificada desde seu lançamento, como o Peugeot.

O melhor de tudo é que o novo Opel Corsa não se parece com o 208. O carro parece estar mais largo e alto, mas não perdeu identidade.

Faróis de leds matriciais serão opcionais no Corsa

Faróis de leds matriciais serão opcionais no Corsa (Divulgação/Opel)

A grade foi deslocada para cima e os faróis, mais estreitos e alinhados ao capô, podem ter iluminação do tipo led matrix, equipamento ainda restrito a modelos de luxo. As lanternas traseiras ainda são horizontais, mas estão mais estreitas.

De lado o Corsa lembra um pouco o irmão Peugeot

De lado o Corsa lembra um pouco o irmão Peugeot (Divulgação/Opel)

Contudo, se você comparar as laterais de 208 e Corsa perceberá que o recorte das portas e as colunas são praticamente iguais. Mas o teto preto ajuda a fazer uma distinção entre os dois.

Versão elétrica tem joystick no lugar da alavanca de câmbio

Versão elétrica tem joystick no lugar da alavanca de câmbio (Divulgação/Opel)

A evolução no interior do Opel Corsa também é grande. Segue a onda dos quadros de instrumentos digitais, mas não acompanha a moda da central multimídia flutuante: ela está perfeitamente integrada ao painel sob as saídas de ar-condicionado.

Conjunto elétrico do 208 também será usado pelo Corsa

Conjunto elétrico do 208 também será usado pelo Corsa (Divulgação/Opel)

Também chamam atenção a alavanca de câmbio do tipo joystick, como nos BMW, e o freio de estacionamento eletrônico. Isso,, pelo menos, na versão elétrica das fotos.

O Corsa-e deverá seguir a versão equivalente do 208, com motor elétrico de 136 cv e bateria de 50 kWh, que garante autonomia de 340 km. Ainda terá motores 1.2 três cilindros turbo a gasolina e um 1.5 turbodiesel em versões com potências entre 75 cv e 100 cv.

 (Divulgação/Opel)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s