Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Dez tecnologias que já foram motivo de prestígio para os carros

Injeção eletrônica, ABS e ar-condicionado: esses itens eram tão exclusivos que mereciam um emblema para mostrar aos vizinhos o que os olhos não viam

Por Da Redação
Atualizado em 30 jul 2018, 19h00 - Publicado em 30 jul 2018, 18h48

Catalisador

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

Para atender a fase L2 do Proconve, o conversor catalítico – que reduz a toxicidade das emissões dos gases – foi introduzido no Brasil em 1992.

VW e Ford aproveitaram a novidade para inserir em seus veículos o “selo de qualidade” na traseira junto ao nome dos carros.

Se você até hoje ainda não sabe o que o catalisador faz, ou para quê serve, não se preocupe. Nos anos 90 ninguém sabia também.

Fuel Injection

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

A partir da linha 1957, o sistema de injeção de combustível entrou para a lista de opcionais do Chevrolet Corvette e, para destacar, os modelos foram diferenciados com uma plaqueta Fuel Injection colada em cada para-lama dianteiro.

ABS-T

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

Em 1995, as Chevrolet D-20 passaram a ser equipadas com freios ABS só no eixo traseiro para compensar a pressão exercida sobre os tambores de acordo com a carga do veículo.

Para fins de marketing, em uma época que só uma minoria de carros tinham sistema antitravamento, esse sistema foi denominado ABS-T.

Continua após a publicidade

Climatizzata

top ten
(Reprodução/Internet)

Nos anos 70, ar-condicionado ainda era artigo de luxo e, nos pequenos Fiat 131 (Mirafiori Special 1300 ou Familiare Special 1600), o acessório teve direito a uma plaqueta “Climatizzata” (climatizada em italiano) na tampa do porta-malas.

Não bastava viver o frescor dentro do carro. Era preciso mostrar à quem estava do lado de fora que as coisas lá dentro iam melhor.

Disc Brakes

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

O Mark 2 da Jaguar ganhou uma série de evoluções mecânicas em relação ao Mark 1 e uma delas ocorreu no sistema de freios, com discos no lugar dos velhos tambores.

A novidade veio tímida através de um pequeno emblema colado ao centro no para-choque traseiro. Mas estava lá, à mostra.

Electronic

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

A injeção eletrônica chegou ao Uno em 1992, mas o popular Mille ainda sobreviveu sem ela.

Continua após a publicidade

Nele, a Fiat instalou um carburador de corpo duplo e ignição eletrônica, mais eficaz que o platinado, mas precisava do “Electronic” na tampa traseira?

Não. Mas, na dúvida, o pessoal do marketing não hesitou em ressaltar o “avanço” tecnológico. As aspas são válidas porque a injeção eletrônica já existia.

Twin Cam

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

Algumas versões do Nissan Leopard, como a 3.0 Ultima, traziam motor V6 com duplo comando de válvulas.

Para diferenciá-la, a marca optou por um logo na tampa traseira: “V6 TWIN CAN 24 VALVE”.

Deu certo. Isso acabou virando uma espécie de grife, como o VTEC da Honda.

Continua após a publicidade

Ainda bem que o ar-condicionado era de série…

4DSC

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

“Carro esporte de quatro portas” é como a Nissan apresenta o Maxima desde a terceira geração mostrada nos EUA nos anos 80.

Não satisfeita, reforçou a esportividade nas janelas do sedã com o adesivo “4DSC” (four-door sports car).

Lambda Sond

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

Coube ao Volvo estrear no modelo 244 em 1976 a sonda lambda, ou sensor de oxigênio, responsável por medir a quantidade de oxigênio presente nos gases eliminados pelo motor.

A estreia foi comemorada com direito a um “logo” na grade do carro.

Continua após a publicidade

ABS

top ten
(Reprodução/Quatro Rodas)

Os anos 90 foram importantes para os Pontiac, sobretudo os Firebird, que ganharam evoluções de estilo e mecânicas, como os freios ABS.

A inscrição ABS nas calotinhas centrais das rodas não são de alguma marca de terceiros: é realmente a sigla do sistema antitravamento.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.