Destruído, Porsche 918 Spyder vai a leilão nos EUA

De acordo com a casa de leilões responsável pela venda do superesportivo, serão necessários aproximadamente R$ 2 milhões para a restauração completa

Porsche 918 Spyder918 Spyder teve apenas as laterais e o interior preservados; dianteira e traseira ficaram destruídos

918 Spyder teve apenas as laterais e o interior preservados; dianteira e traseira ficaram destruídos (/)

Em três anos de produção (de 2013 a 2015), o Porsche 918 Spyder teve apenas 918 unidades produzidas para o mundo todo — dessas, só três vieram para o Brasil, e uma delas quebrou o recorde de aceleração da história da QUATRO RODAS. Porém, aparentemente, só 916 exemplares estão em perfeito estado para as ruas. Uma foi tomada por chamas em 2014, enquanto a outra se envolveu em um acidente e está sendo leiloada nos Estados Unidos. A casa de leilões responsável, no entanto, afirma que é possível recuperar o modelo.

Mesmo em péssimo estado, o modelo será leiloado pela Copart. O 918 Spyder em questão é a de número 830, tem apenas 148 quilômetros rodados e apenas parte das laterais, enquanto a dianteira ficou totalmente destruída e a traseira necessida de profundos reparos. O interior é a única parte intacta do superesportivo híbrido. Segundo a casa de leilões, o comprador gastará cerca de US$ 600.000 para a restauração, ou R$ 2,2 milhões em conversão direta.

Porsche 918 SpyderSegundo a casa de leilões responsável pela venda, serão necessários aproximadamente R$ 2 milhões para a restauração do superesportivo híbrido

Segundo a casa de leilões responsável pela venda, serão necessários aproximadamente R$ 2 milhões para a restauração do superesportivo híbrido (/)

O cupê é dotado de um conjunto formado por três motores: dois elétricos, sendo um na traseira e um na dianteira, além de um V8 4.6 aspirado. Juntos, os motores resultam em 899,3 cv de potência e surreais 130,5 mkgf de torque máximo. O câmbio é automático PDK de sete marchas e a tração é traseira. Com números tão impressionantes, o 918 conquistou o título da aceleração de 0 a 100 km/h mais rápida da história de QUATRO RODAS: foram apenas 2,6 segundos. A velocidade máxima, segundo a Porsche, é de 345 km/h. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s