Compre uma cobertura e ganhe um Rolls-Royce e um Lamborghini

Apesar de custarem quase R$ 9 milhões quando somados no Brasil, Cullinan e Aventador S estão inclusos em cobertura nos EUA

Além do Rolls-Royce, o proprietário ganha um Lamborghini

Além do Rolls-Royce, o proprietário ganha um Lamborghini (The Mansions at Acqualina/Divulgação)

Ter um Rolls-Royce Cullinan e um Lamborghini Aventador – já à venda no Brasil por R$ 4,4 milhões e R$ 4,3 milhões, respectivamente – parece um sonho distante para você?

Quem comprar a cobertura Palazzo del Cielo do condomínio The Mansions at Acqualina, no estado norte-americano da Flórida, não passará vontade: ambos os carrões vêm de brinde.

Cobertura será entregue em janeiro de 2019

Cobertura será entregue em janeiro de 2019 (The Mansions at Acqualina/Divulgação)

Com mais de 1.000 m2 (sendo 232 m2 apenas de terraços), o apartamento tem seis banheiros, quatro quartos, sauna, além de piscina privativa com borda infinita de vidro no 47º andar.

Apartamento tem mais de 1.000 m2

Apartamento tem mais de 1.000 m2 (The Mansions at Acqualina/Divulgação)

De acordo com a Forbes, o imóvel está à venda por US$ 38 milhões, o que dá uma bagatela de R$ 145,4 milhões em conversão direta, e terminará de ser construído em janeiro de 2019.

Piscina privativa tem borda infinita de vidro

Piscina privativa tem borda infinita de vidro (The Mansions at Acqualina/Divulgação)

Por esse preço, você deve imaginar que um Rolls-Royce nem soa tão exclusivo para os compradores em potencial. E, de fato, o condomínio tem o maior número de carros da marca de clientes individuais: 58 unidades.

O primeiro SUV da marca está à venda no Brasil por R$ 4,4 milhões

O primeiro SUV da marca está à venda no Brasil por R$ 4,4 milhões (Divulgação/Rolls-Royce)

Apresentado no Brasil durante o último Salão do Automóvel, em novembro, o SUV Cullinan é o primeiro utilitário feito pela empresa britânica e é importado oficialmente pela Via Itália.

Motor V12 6.7 biturbo é igual ao Rolls-Royce Phantom

Motor V12 6.7 biturbo é igual ao Rolls-Royce Phantom (Divulgação/Rolls-Royce)

Com motor V12 6.7 biturbo de 563 cv de potência e 86,7 mkgf de torque, o modelo utiliza a mesma plataforma de alumínio do sedã topo de linha Phantom e pesa mais de 2,6 toneladas.

Lamborghini Aventador S de frente Atualizado em 2016, o superesportivo tem 740 cv de potência

Atualizado em 2016, o superesportivo tem 740 cv de potência (Divulgação/Lamborghini)

Já o superesportivo da Lamborghini, atualizado mundialmente em 2016 – quando recebeu o sobrenome “S” – usa o V12 6.5 aspirado com 740 cv de potência e 70,4 mkgf de torque.

Lamborghini Aventador S em posição 3x4 de traseira Velocidade máxima é de 350 km/h, de acordo com o fabricante

Velocidade máxima é de 350 km/h, de acordo com o fabricante (Divulgação/Lamborghini)

Além do visual atualizado há dois anos, o Aventador ganhou esterçamento das rodas traseiras, apêndices aerodinâmicos, novas molas e amortecedores e atualização na tração integral.

Se o Rolls-Royce apela para o luxo extremo, até com vidro para isolar a cabine enquanto o porta-malas está aberto, o Aventador S é capaz de chegar aos 100 km/h em 2,9 segundos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Julio Rodrigues Neto

    Prefiro um chevette, no lugar do Rolls-Royce, e do lamborghine.