Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Citroën prepara nova gama C-line com preços competitivos

Montadora vai buscar equilíbrio entre custo e funcionalidade

Por Alexandre Ciszewski Atualizado em 9 nov 2016, 12h26 - Publicado em 20 Maio 2013, 11h30
fabricantes

A Citroën vai mostrar o primeiro modelo da sua nova gama ‘C-line’ em pouco mais de 12 meses, de acordo com seu CEO, Frederic Banzet. Em uma entrevista à imprensa comercial, Banzet revelou que a marca C-line será o elo final no reposicionamento da PSA Peugeot Citroën e marcas DS.

O primeiro carro C-line é esperado para ser o substituto do C3, que é descrito como sendo “a preços competitivos”, em vez de um rival de baixo custo para a marca Dacia, da Renault. Banzet afirma que o modelo foi “inspirado” pelo conceito C-Cactus radical a partir de 2007.

A linha DS será uma marca independente, e provavelmente passará a cobrar o mesmo tipo de preços premium como as marcas alemãs, além de ficar de olho no grande crescimento na China. A Peugeot tentará tomar uma fatia mais sofisticada do principal mercado europeu.

Os modelos da Citroën que são tendência – C-line – serão lançados compradores que procuram um equilíbrio entre custo e funcionalidade. De acordo com Banzet, os custos de produção dos modelos C-line serão baixados, simplificando a gama e, por exemplo, reduzindo o número de opções de transmissão.

No entanto, a Citroën diz que vai evitar cair na armadilha de competir exclusivamente em preço e usará estilo arrojado, o que vai diferenciá-la dos rivais. O estilo ‘característico’ revelou-se uma maneira muito eficaz de agregar valor a um modelo – como visto com o Fiat 500 e o DS3.

Continua após a publicidade
Publicidade