Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Bahrein pode se tornar o único proprietário da McLaren

Orgão do Bahrein poderá adquirir 100% da McLaren, possibilitando que a fabricante tenha foco em suas atividades lidando com um só acionista

Por Rafael Sommadossi
21 dez 2023, 08h46

A McLaren, juntamente da sua equipe de Fórmula 1, estão prestes a passar por uma mudança da estrutura acionária. Rumores indicam que o fundo soberano do Bahrein, Mumtalakat Holding Company, está negociando o controle total do Grupo McLaren. Um anúncio oficial pode ser feito ainda esta semana, revelando o acordo final entre o fundo e os demais acionistas.

O Mumtalakat Holding Company, que pertence integralmente ao governo do Bahrein, já possuía cerca de 60% das ações da McLaren no ano passado e expandiu sua participação no início de 2023. Juntamente com o aporte de outros investidores, isso tem sido uma fonte crucial de financiamento para a McLaren nos últimos anos.

mclaren_750s_coupe
(Divulgação/McLaren)

A McLaren enfrentou a necessidade de vender algumas unidades históricas para financiar atualizações de desenvolvimento para o supercarro Artura no fim de 2022. O Mumtalakat desembolsou 100 milhões de libras por um número não revelado de veículos históricos, incluindo um carro de Fórmula 1. Essa transação ocorreu para superar obstáculos na produção e manter a competitividade no mercado automotivo de alto desempenho.

Compartilhe essa matéria via:

A McLaren também teve que lidar com desafios na cadeia de abastecimento agravados pela pandemia, levando à venda da sede e fábrica de F1 em abril de 2021. O negócio gerou US$ 240 milhões, com a McLaren permanecendo como inquilina pelos próximos 20 anos. Isso porque a McLaren Racing, responsável pela equipe de Fórmula 1, possui seu próprio grupo de investidores privados.

Continua após a publicidade
McLaren se juntará à quase-mítica Skunk Works para desenvolver novas tecnologias
McLaren se juntará à quase-mítica Skunk Works para desenvolver novas tecnologias (Divulgação/McLaren)

De acordo com um relatório de outubro do The Telegraph, a McLaren recebeu cerca de 600 milhões de libras de diversos investidores desde julho de 2022. Deste montante, aproximadamente 370 milhões de libras foram injetadas entre março e setembro deste ano, após a empresa registrar perdas de 349 milhões de libras em 2022.

Pic By Fernando Pires / www.flpires.com.br
(Fernando Pires/Quatro Rodas)

Em meio a essas transformações, a McLaren está passando por uma reestruturação para simplificar seus negócios. Em julho de 2022, Michael Leiters foi nomeado como o novo CEO, reconhecendo meses depois que os produtos anteriores da empresa eram “imaturos”. Uma possível mudança para um único proprietário, como o Mumtalakat, poderia trazer estabilidade à empresa.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.