Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Após greve, metalúrgicos da Honda aprovam reajuste de 9%

Acordo envolveu trabalhadores da fábrica de Sumaré (SP)

Por Natali Chiconi Atualizado em 9 nov 2016, 12h03 - Publicado em 18 set 2012, 17h01

O Sindicato de Metalúrgicos de Sumaré (SP) informou que os trabalhadores da fábrica da automóveis da Honda aprovaram a proposta de reajuste salarial de 9%.

Segundo a agência de notícias Reuters, o acordo envolve cerca de 3.200 trabalhadores da unidade que produz os modelos Fit, City e Civic e O aumento ocorreu depois de greve do primeiro turno da fábrica na segunda-feira, disse Eliezer Mariano da Cunha, dirigente sindical.

Pelos termos acordados, os metalúrgicos da Honda em Sumaré receberão aumento de 5,39% relativo à inflação pelo INPC, mais 3,43% de ganho real. A montadora também vai pagar abono de R$ 3.400.

De janeiro a agosto, as vendas de automóveis e comerciais leves da Honda somam 88.248 veículos, crescimento de 34% sobre o mesmo período de 2011, ante uma expansão do setor de 7 por cento no mesmo intervalo.

Continua após a publicidade
Publicidade