Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Qual a diferença entre peso a seco e em ordem de marcha?

Um exclui todos os fluidos. O outro considera o veículo em condições de rodar

Por Redação Atualizado em 3 Maio 2021, 15h33 - Publicado em 26 jul 2016, 17h30

Balança antiga, com miniatura de carros

Qual a diferença de peso a seco e em ordem de marcha? – Cristiano Couto, Rio De janeiro (RJ).

O peso a seco de um veículo é aferido sem os fluidos necessários para seu funcionamento. Portanto, ele será medido sem lubrificantes, líquido do sistema de refrigeração e combustível no tanque. O peso em ordem de marcha, usado na maioria das fichas técnicas, inclusive as da QUATRO RODAS, é o peso do veículo pronto para rodar, com todos os fluidos necessários – mas sem contar os passageiros.

Outros termos afins são tara e lotação, adotados principalmente para caminhões. Tara é o peso em ordem de marcha do veículo (sem sua carga), lotação é a carga máxima suportada por ele. Somando-se os dois valores, obtemos o peso bruto do caminhão.

Continua após a publicidade

Publicidade