Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Correio Técnico: por que alguns carros aceleram ao pisarmos na embreagem?

Comportamento pode ser causado por motivos técnicos, táticas eletrônicas ou mesmo falhas mecânicas

Por Rodrigo Ribeiro Atualizado em 24 abr 2021, 01h37 - Publicado em 28 out 2019, 07h00
Alguns modelos aceleram sozinho ao acionar a embreagem para simular o punta taco
Alguns modelos aceleram sozinho ao acionar a embreagem para simular o punta taco Fernando Pires/Quatro Rodas

Por que alguns carros aumentam de rotação quando a embreagem é acionada? – Fernanda Garcia, Cruzeiro (SP)

Por diferentes motivos, porém o mais comum é para facilitar a vida do motorista. Muitos carros, quando parados, aceleram levemente o motor ao ser acionada a embreagem, para facilitar a saída em primeira marcha.

A assistência também pode ocorrer durante a condução, mantendo o motor na mesma rotação por um curto período de tempo durante a troca de marcha.

Mas, se essa aceleração começar a ocorrer repentinamente, ela pode ter ligação com algum problema mecânico, como falha no sensor de marcha lenta.

Continua após a publicidade

É importante não confundir isso com o assistente para redução de marcha, recurso que executa o punta-tacco sozinho em esportivos como o Nissan 370Z e o Honda Civic Type R.

Me esquenta

Outra circunstância que pode fazer com que o carro acelere sozinho é quando o motor é ligado estando frio.

Para agilizar o processo de aquecimento do conjunto, a injeção eletrônica eleva a marcha lenta por alguns minutos. A variação pode ser de quase 100%, dependendo do modelo e do mercado onde é vendido.

Alguns carros também pode elevar a rotação quando o ar-condicionado é ligado ou até mesmo quando o farol alto é acionado. Como a demanda por eletricidade tem um aumento repentino, o giro do motor é alterado para permitir que o alternador gere mais energia.

Tem outras dúvidas? Envie sua pergunta para correiotecnico@abril.com.br!

Continua após a publicidade

Publicidade