Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Buzinar pode render multa e pontos na CNH mais fácil do que você imagina

Segundo o CTB, a buzina é permitida como alerta em apenas duas situações e em toques breves; a ausência dela também é infração

Por Guilherme Fontana Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
6 jun 2024, 12h00

Mesmo que um dia, hipoteticamente, o mundo todo seja ocupado por carros elétricos e não haja mais o ronco dos motores, o trânsito passará longe de ser silencioso. Isso porque as buzinas fazem parte do dia-a-dia dos motoristas, seja para alertas, agradecimentos ou, em sua grande maioria, demonstrar irritação. Porém, é preciso ter cuidado ao usá-la.

De acordo com o artigo 41 do Código de Trânsito Brasileiro, a utilização da buzina só pode ocorrer em dois casos: para fazer advertências necessárias a fim de evitar acidentes e, fora das áreas urbanas, para alertar o condutor de outro veículo quando houver a intenção de ultrapassá-lo. Em ambas as situações, a buzina deve ser sempre em toque breve.

Caso o alerta sonoro seja utilizado fora desses parâmetros, o condutor fica sujeito à infração leve com três pontos na CNH e multa de R$ 88,38. Mas ainda há vários outros detalhes, como horários em que a buzina pode causar problemas.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:

O artigo 227 do CTB, que prevê o que são consideradas infrações relacionadas à buzina, lista cinco situações:

I – em situação que não a de simples toque breve como advertência ao pedestre ou a condutores de outros veículos;
II – prolongada e sucessivamente a qualquer pretexto;
III – entre as vinte e duas e as seis horas;
IV – em locais e horários proibidos pela sinalização (como em frente a escolas e hospitais, ou dentro de túneis);
V – em desacordo com os padrões e frequências estabelecidas pelo CONTRAN:

Continua após a publicidade

Ou seja, mesmo que você seja fechado ou passe por situações de perigo ou grande estresse, é bom segurar os ânimos e as forças para não pressionar o centro do volante – ou ao menos não com tanta intensidade.

Uma situação contrária também está fora da lei. A ausência da buzina, que é classificada como equipamento obrigatório, é infração grave e pode gerar multa de R$ 195,23 e cinco pontos na CNH.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.