Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Cruzes, que apetite!

Por Redação 27 abr 2012, 11h24

Por Péricles Malheiros

18 753 km

No último mês, dois “convidados especiais” tiveram a oportunidade de dirigir o Cruze de Longa Duração. O primeiro deles foi o Dr. Milton Valente, médico da Editora Abril, colaborador informal de longa data. Após quatro dias de convívio rodando basicamente em perímetro urbano, ele disse: “Gostei do interior, da riqueza de equipamentos e do desempenho, mas achei o consumo elevado. Ainda assim considerarei o Cruze quando aposentar meu Honda Civic”.

As opiniões do médico foram avalizadas por Augusto Brugo, diretor de redação da revista de automóveis Parabrisas, a principal publicação do gênero na Argentina. Em visita ao Brasil, Augusto rodou 775 km por ruas e estradas no estado do Rio de Janeiro. Como em seu país não há etanol nos postos, Augusto se impressionou com a velocidade com que o marcador de combustível se movimentava em direção à reserva. “Achei o consumo muito elevado”, disse Augusto, que fez questão de fotografar o Cruze em pleno abastecimento, antes de uma viagem entre Búzios e a capital fluminense.

Com os termômetros de rua de São Paulo indicando temperaturas acima de 38 ºC, temíamos que o funcionamento irregular do ar-condicionado do Cruze voltasse a incomodar. Na terceira parade para verificação do equipamento, no mês passado, a concessionária Anhembi alegou não ter encontrado nenhum registro de falha na central electronica ou qualquer indício de irregularidade na linha pressurizada de gás refrigerante. O assistente Rodrigo Guerra, que trouxe o carro de volta para São Paulo, após o retorno de Augusto para a Argentina, disse: “Funcionou tudo perfeitamente, nada de ligar ou desligar sozinho nem de apagar a tela digital”.

Continua após a publicidade

Às vésperas do fechamento desta edição, o Cruze se aproximava dos 20 000 km, ou seja, do momento da segunda revisão. Menos mal, pois o carro começa a apresentar uma leve tendência a puxar para a esquerda.

Consumo

No mês (33,8% na cidade): Etanol – 6,5 km/l
Desde nov./11 (35,6% na cidade): Etanol – 6,6 km/l

Principais Ocorrências

18709 km: Carro puxando para a esquerda

A rodagem com etanol obriga a paradas para reabastecimento mais constantes (esq.) | Nas mãos de um jornalista argentino, o Cruze visitou as praias do Rio, como a de Búzios (dir.)

Continua após a publicidade

Publicidade