Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Toyota: multa de US$ 1,2 bi por problemas de segurança

Empresa vinha sendo investigada por pelo menos cinco mortes

Por Redação Atualizado em 9 nov 2016, 13h32 - Publicado em 19 mar 2014, 18h27
mercado

A Toyota pagará 1,2 bilhão de dólares para encerrar uma investigação criminal sobre a forma como tratou reclamações de consumidores por problemas de segurança. Segundo o Departamento de Justiça dos Estados Unidos nesta quarta-feira (19), a Toyota admitiu que iludiu consumidores norte-americanos omitindo e fazendo declarações enganosas sobre dois problemas de segurança, sendo que cada um deles causava um tipo de aceleração involuntária, disse o Departamento de Justiça.

O acordo encerra a investigação iniciada quatro anos atrás pelas autoridades norte-americanas, já após o início do processo de recall de diversos modelos das marcas Toyota e Lexus.

“Minha esperança e expectativa é de que esta resolução vai servir de modelo para a forma de abordar futuros casos envolvendo empresas em situação semelhante”, Procurador Geral dos EUA, Eric Holder, em entrevista coletiva nesta quarta-feira. O acordo foi liderado pelos mesmos promotores que estão investigando a GM, por causa dos problemas no cilindro de ignição.

A Toyota ainda enfrenta centenas de processos sobre os problemas de aceleração involuntária.

Continua após a publicidade

Publicidade