Clique e assine por apenas 8,90/mês

Toyota Etios começa a sair de linha sem ganhar uma nova geração

Família de compactos deixará de ser produzida em breve na Índia, onde foi criado há dez anos. No Brasil, "morte" deve ocorrer em meados de 2021

Por Renan Bandeira - 19 fev 2020, 18h19
Linha de montagem do Toyota Etios em Sorocaba (SP) Divulgação/Toyota

O Toyota Etios sairá de linha na Índia – onde foi criado – após dez anos de produção. Todas as versões do compacto (hatch, sedã e cross) deixarão de ser produzidos no próximo mês, por conta das novas regras anti-poluição BS6.

Sem planos para uma nova geração, ele também não deixa um sucessor. O motivo? Simples, a margem baixa de venda do modelo torna inviável o investimento em uma nova gama de motores ou, então, a atualização dos já existentes.

Toyota Etios
Projeto Etios tem origem indiana e foi lançado em 2010 Marco de Bari/Quatro Rodas

Nem mesmo a versão (bem poluente) 1.4 diesel – responsável por cerca de 70% das procuras do modelo de entrada – se safou.

No Brasil, o futuro do compacto segue indefinido, mas o destino do irmão indiano dá bons indícios sobre o futuro da família de compactos em nosso país.

Continua após a publicidade

A principal pedra no sapato para a existência do modelo é seu próprio irmão: o Yaris. 

De acordo com dados da Fenabrave (associação dos concessionários), no último ano o Yaris hatch vendeu quase o dobro de unidades do Etios hatch. Foram 37.686 unidades contra 18.963, respectivamente.

A canibalização do modelo de entrada da Toyota também pode ser vista na versão sedã. O Yaris Sedan vendeu 29.759 unidades durante o ano de 2019, contra 13.305 do Etios Sedan.

Continua após a publicidade

Até o momento não há sinais do Etios receber alguma nova geração ou reestilização e, no futuro, provavelmente dará seu posto de compacto de entrada da Toyota ao Yaris.

Vale lembrar que a chegada do Yaris ao mercado fez o Etios perder suas duas versões de topo.

QUATRO RODAS aposta que o Etios deve deixar de ser feito no país quando a Toyota iniciar a produção de seu SUV compacto em Sorocaba (SP). Conforme antecipado por QUATRO RODAS, isso está previsto para acontecer em março de 2021.

Publicidade